quarta-feira, julho 8

Redes sociais

Hi5, facebook, myspace, twitter, msn, second life, orkout - não são palavras mágicas, mas quase. Abrem as portas do mundo www e permitem que todos tenham um universo praticamente paralelo. São redes sociais, verdadeiro fenómeno na internet, que possibilitam a interactividade entre várias pessoas em qualquer lugar no mundo. Para relacionamentos pessoais ou profissionais, para conhecer novas pessoas ou reencontrar velhos amigos, são vários os argumentos para aceder e participar nestas redes que, em alguns casos, praticamente substituem as relações pessoais. Para além das vantagens inerentes, o que podem significar estas novas formas de relacionamento? São uma forma de “ganhar mundo”? Auxiliam na procura de um emprego? Permitem trocar informação útil? Neste SC, com os melhores especialistas, aventuramo-nos pelas redes sociais.
Convidados:
Tito Morais, Fundador Projecto "MiúdosSegurosNa.Net"
Alexandre Brito, Jornalista e Coordenador da Redacção Multimédia da RTP
Fernando Alvim, Director da revista 365 e da Speaky TV
Paulo Querido, Jornalista

80 comentários:

Paulo Freixinho disse...

No meu caso, as Redes Sociais vieram complementar o blogue.

São um espaço de divulgação e, principalmente, de contactos que compensam, de certa forma, a ausência de colegas de trabalho.

Destaco a facilidade em contactar pessoas que, de outro modo, dificilmente conseguiria fazê-lo... como já aconteceu com alguns dos participantes do vosso programa... ;-)...

A minha presença nas Redes Sociais já resultou em alguns trabalhos mas, principalmente, são a melhor forma de interagir com pessoas que apreciam o meu trabalho.

Parabéns pelo programa.

Amplexos e ósculos!

PS: Já agora, sigam-me no twitter... ;-) ...

PF

Eugénio Rafael disse...

Já tive algumas contas que apaguei porque tomei consciencia que a internet=big brother e me incomoda saber que toda a actividade fica guardada e pode ser consultada por algumas empresas.
portanto convém ter algumas reservas enquanto utilizador da web.

Rui Manuel Guimarães Lima disse...

Boa tarde!

Será que os utilizadores das redes são muito mais "lurkers" ou pró-activos?

Obrigado,

Rui Lima

twitter: @rguimaslima

CarlosFerdinand disse...

Olá Chamo-me Carlos tenho 19 anos e sou de Baião. Redes sociais são optimas para todos e dou o meu caso que graças a redes como o myspace e o facebook hoje estou no mundo da musica e graças a estas redes consigo conhecer, comunicar e tirar duvidas com musicos (mais nacionais do que internacionais). Mas vendo que sou de Baião, tira-se o partido que não estou numa zona em que a população pode ser "culta" eu graças a internet consegui abrir as minhas fronteiras e crescer como pessoas. Mas para concluir, frizo que as redes socias são boas mas é necessario saber usa-las correctamente e infelizmente muita gente não sabe utilizar.

Cumprimentos para todos no programa

Rui Manuel Guimarães Lima disse...

Quem irá abordar, resumidamente, a questão da importância das redes sociais na Educação?

Está previsto ou continuam a pensar que é um tema exclusivo do jornalismo?

Rui Lima

[@rguimaslima]

sofia disse...

Boa tarde
Antes de mais parabéns por estes excelentes programa e apresentadora.
Tenho 16 anos e não utilizo nenhuma destas redes sociais a não ser o hi5, para ver fotos de pessoas que conheço mas não estou inscrita. A ideia de estar exposta em fotografias na net é um pouco assustadora para mim. Já estive, porém, mais longe de me inscrever pois sou muito pressionada por amigos para ter um hi5...
Continuação de excelente programa e mantenham-no sempre assim actual :D

joao mendes disse...

no meu caso, ja tive contas no hi5 e no facebook mas acabei por apagar pois percebi que nao trazia vantagens para a minha vida e que na minha opiniao perdia muitas horas da minha vida desnecessariamente...

a uinica rede social que mantenho é o msn pois é a unica forma de falar com alguns amigos e receber algum correio electronico importante...

cumprimentos,
Joao Mendes 19 anos

FramusDiablo disse...

Olá a todos, tudo bem... Há inúmeras plataformas onde é possível depositar os dados pessoas, etc... Mas quem paga isso? Esse espaço ocupado por nos? Será que existe mesmo segurança com apenas um login-password?! Bem, eu não acho. Cumprimentos

Dij disse...

Na minha opinião de jovem, o hi5 é a melhor rede social visto que, com esta, conheci novas pessoas de outros países. Até aprendi espanhol.A única coisa que aconselho como jovem é que tenhamos sempre atenção ao darmos emails, porque via hi5 na minha opinião o risco é mais reduzido. Gosto muito do tema deste programa, parabéns à RTP2. Continuem assim!

Liliana Pêgo disse...

Boa tarde a todos!
Sempre fui adepta das Redes Sociais mas desde que aderi ao Twitter a minha vida mudou.
Rendi-me a alguns programas na TV que não conhecia, falei com pessoas que nunca pensei conhecer (aliás, já falei com todos os que estão aí no estúdio), aprendi coisas que nunca pensei saber, enfim...É um mundo num monitor de computador ou telemóvel.
Ah, e já agora @lilianapego no Twitter =)
Cumprimentos a todos!

Catherina Sanders disse...

Olá SC,

Uma questão, qual as redes sociais para divulgar a profissão, quer a nível nacional e internacional?
Obrigada.
Abraços,

Catherina

Dij disse...

Na minha opinião de jovem, o hi5 é a melhor rede social visto que, com esta, conheci novas pessoas de outros países. Até aprendi espanhol.A única coisa que aconselho como jovem é que tenhamos sempre atenção ao darmos emails, porque via hi5 na minha opinião o risco é mais reduzido. Gosto muito do tema deste programa, parabéns à RTP2. Continuem assim!

conceição disse...

Sou professora do 1º ciclo e tenho uma disciplina virtual na plataforma moodle. A avaliação tem sido muito positiva pois fomenta dinâmicas colaborativas entre professores e alunos fora do espaço lectivo.

Joana disse...

Olá! Boa tarde!

Na minha opinião algumas dessas redes perdem qualquer interesse quando passam a funcionar como 'catálogos humanos', onde as pessoas expõem a sua imagem e informações gerais e as outras se gostam mandam convite de amizade, se não gostam ignoram.

Já para não falar nos amigos que se faz online que não passam disso mesmo - amigos virtuais. Perde-se um pouco a essência da amizade real! Acho que não é necessário esse tipo de redes para se manter em contacto com os amigos. Por isso tudo prefiro o messenger porque pelo menos não sou bombardeada com convites e mensagens de desconhecidos e falo com pessoas que realmente sei que valem a pena.

Cumprimentos e parabens pelo programa.

Mariana disse...

Tenho 18 anos, e a minha mãe só me deixou inscrever-me no HI5 aos 15 anos.
Porque a minha prima inscreveu-se no HI5, marcou um encontro e foi abusada sexualmente.
Mas eu também acho que as Redes Sociais são "importantes" para as pessoas que têm blog's ou outras redes, as divulgarem...

sonharamar disse...

convem não esquecer que essa tal internet de alta velocidade onde passam a existir inúmeras possibilidades é só para alguns. Apesar de em alguns países já ser um direito humano em Portugal essa tal internet só está disponível para alguns privilegiados. Grande parte da população nem sequer ADSL pode ter devido ao monopólio da PT.

ASS: Pedro Silva

Roanita disse...

Tenho apenas 13 anos mas posso dizer que o hi5 é já um passatempo. Conheço alguns alunos na minha escola que preferem com toda a certeza o hi5 e outras comunidades sociais, como Tribos e Travian,aos conteúdos leccionados nas aulas. Acho que a educação está a ser um pouco (um pouco muito) a ser afectada por este tipo de comunidades na internet.Gostaria que fosse diferente

Francisco disse...

No Sábado o IDP vai lançar a primeira Wiki-Constituição no Museu de Comunicações, aberta a todos.
As Redes Sociais como qualquer nova relação social precisa de aprendizagem, de uma educação para essa vida em sociedade.
Agora há um novo factor que os pais têm de adquirir para eles e para poderem passar valores adequados à melhor utilização destes meios de comunicação pelos filhos. Enganos e desenganos sempre aconteceram em qualquer rede social. Mais uma vez, é tudo uma questão de hábito e de melhorias que se irão produzir ao longo do tempoi.

Cumprimentos aos participantes no programa

Francisco Cunha Rêgo
Conselho de Curadores do IDP

bi disse...

Parabéns!Tudo o que surge de novo, bem aproveitado, é bom.P.Ex. o comentário sobre as crianças "autistas", que criam contactos, é maravilhoso.

CME disse...

Olá a todos,

Isto poderá parecer incrivelmente "antigo", mas existem outras redes sociais para além do twitter, criadas e mantidas devido a interesses comuns.

Dou o exemplo do Fórum Aves (http://aves.team-forum.net), dedicado ao birdwatching - a observação de aves como actividade lúdica - que, em pouco tempo, reuniu mais 600 membros. São pessoas - muitas vezes nem se escondem por trás de nicks - que partilham informações e debatem assuntos relacionados com este tema.
De certa forma, são um Clube Português de Birdwatching.

Será esta uma nova forma de associativismo? Um "associativismo virtual"?

Bjs & Abraços,
Maria

Rui Freire disse...

Penso que nao sao uma maneira obvia de ganhar o mundo, porem permite dar assas a nossa imaginaçao pois por vezes, conseguimos falar com figuras publicas q admiramos..
noutra prespetiva,vemos q estas redes soiais permitem conhecer pessoas de variados sitios, o q para os jovens de hoje em dia é muito importante...

http://aviarumavida.blogspot.com/

oidime disse...

O programa está interessante, mas até agora praticamente só focaram o twitter...

E que tal introduzirem algumas redes sociais portuguesas? adegga uma rede social sobre vinhos.

Parabéns pelo programa.

ES

AS disse...

Acho que as Redes Sociais quando são bem utilizadas podem ser bastante uteis para divulgar informações. Lembro-me quando desapareceu a Madeleine, criaram um hi5 com fotografias dela e com os números de telefone para as pessoas ligarem se tivessem informações.

Acho as redes sociais muitíssimo uteis e não penso que sejam assim tão perigosas se tivermos alguns cuidados

CarlosFerdinand disse...

Viso aqui também que tudo hoje gira a volta da Internet mas infelizmente muita boa gente de Portugal quer ter ADSL ou 3G e não temos, ou se temos, estamos a pagar o custo que está no contracto e nao podemos usufruir o total da velocidade e qualidade que só os grandes centros têm-

cumprimentos

joaofilipe disse...

ola boa tarde, eu sou membro do hi5 e do facebook,agora apenas por curiosidade, mas penso que todos estes diferentes caminhos são utilizados apenas para conhecer outras pessoas. pois a grande maioria pensa apenas no prazer que pode tirar desses conhecimentos

Pedro Loureiro disse...

Excelentes formas de comunicação e interacção social, quer a nível profissional como pessoal.

Roanita disse...

Sou a Joana, tenho 13 anos e posso dizer que o hi5 já faz parte da minha vida.Os meus colegas já fazem dele o único tema de conversa, a vida deles são estas comunidades sociais na internet. O Tribos, o Travian e o Messenger são já mais importantes que a escola, o que é preocupante.Acho que a educação está a ser muito afectada por estas comunidades. Não devia ser assim.

André disse...

Ao darmos demasiada importância a redes sociais como o Twitter, estaremos nós a sujeitar-nos ao surgimento de nova situações como a "Guerra dos Mundos" de Orson Welles?

Paula disse...

Twitter, redes e blogs: uma obrigação para o trabalho de profissionais de diferentes áreas conseguir ter (alguma) visibilidade (investigação, arte, música, media entre outras...)

Sylvie disse...

Boa tarde!
Eu acho que o Hi5 é mais dirigido a míudos. Não o uso muito.
O Msn uso apenas quando preciso falar mesmo c alguém e n consigo de outra forma.
A única q uso mesmo a sério é o Myspace onde adiciono artistas, bandas enfim, pessoas c quem me identifico. Não adiciono só por adicionar!
Obrigada.

Joaninha disse...

Olá,
Para mim o Messenger permitiu-me pura e simplesmente manter o meu namoro. O meu namorado é americano, conhecemo-nos quando estive lá a fazer o doutoramento. Agora falamos todos os dias cerca de 2 horas com video, e faz toda a diferença. Já lá vão mais de 3 anos. Vamos casar para o ano!

escarradura disse...

Olá Sociedade, chamo-me Rykardu e
acompanho-vos pelo site da RTP e verifiquei que o Tito Morais falou sobre a questão, por exemplo, do situação das imagens do Tsunami ou da "seta".
A minha questão é apenas a seguinte: porque não filtrar esses twitter's ou tweet's e fazer um primeiro aviso. Se a situação for reincidente, o bloqueio da conta seria uma boa opção. Claro está que é apenas uma mera sugestão.

Atenciosamente,
Rui Ricardo Araújo
Twitter - http://twitter.com/bluetuga/

Nuno Gomes disse...

Uma pergunta para o Tito Morais:

Qual a sua opinião sobre a utilização, ou apenas visualização, de conteúdos das redes sociais (nomeadamente do Hi5) por parte dos miúdos nas escolas preparatórias ou secundárias durante uma aula numa qualquer sala TIC de Portugal?

Isto é, quais as consequências para a qualidade da formação ministrada pelo Professor?

Obrigado

Rui Manuel Guimarães Lima disse...

E para quando um programa sobre Comunidades Virtuais de Aprendizagem ou Virtual Learning Environments?

Rui Lima

AG disse...

Substituem-se pessoas e expressões por frases e letras; a troca de carinhos é virtual e não sacia; ...

Os 0000111101010101011 substituíram e é a verdade, o contacto. Tudo bem, sem dúvida que se apontam todos os pontos positivos mas...

---

Então e "socialmente" quais os impactos destas redes "anti-sociais"?


Ana G.

TIti disse...

Boa tarde a todos!
Desde ja dou os parabéns pela excelencia do tema, como vem acontecendo no seu programa.
Agora quanto ao tema, as Redes sociais definem identidades pessoais como é o caso do hi5, blogs e até o msn que neste caso já permite interacções via online.

Sinceramente penso que advem vários problemas do uso principalmente do hi5 e seus similares, pois eu ja tenho essa mesma página algum tempo e vou vendo as vantagens e desvantagens do mesmo.

Quanto ao que estavam a debater a pouco quando me liguei ao vosso programa da existencia de paginas de figuras publicas serem ou não fidedignas. Claro que a maioria serao falsos criados por fans por exemplo.

Mas é certo que atraves das redes sociais estamos mais proximos de tudo que nos envolve.

Já agora deixo um reparo que como devem saber existem várias tipos de redes sociais não apenas o twiter como se estao a centrar e a menciona-lo repetidamente.

Continuação de bom programa

Joao disse...

O Twitter é óptimo para associar a um blog!
.
http://olharoslivros.blogsp.com
TWITTER:http://twitter.com/LivrosELeituras

JBM disse...

Um reconheço as potencialidades comunicativas do Twitter mas, para a maioria da população, não será o Twitter uma suprema oportunidade de espreitar pelo buraco da fechadura dos famosos? Ou um MSN Messenger para quem não tem amigos?

sítio dos cães disse...

boa tarde!

parece-me que algumas ferramentas são puramente de lazer (como o hi5, por exemplo) e outras de grande importância para contactos, nomeadamente profissionais (como o linkedin). outras terão mais relevância na partilha de informação em tempo real (como o twitter). no entanto, é de facto de lamentar que praticamente todas elas estejam sujeitas ao spam e a falsas identidades, que podem gerar reais problemas ou dissabores. e, claro, a desinformação que pode existir em qualquer ambiente web. de qualquer forma, julgo que as possibilidades de contactar com pessoas geograficamente dispersas pelo globo é uma grande mais valia.
devíamos todos tentar que as vantagens se sobreponham sempre às desvantagens e que a segurança e fiabilidade sejam cada vez maiores em todas as ferramentas disponíveis.

cumprimentos a todos.

pedro antunes

zakzor disse...

As redes sociais foi o iniciante da Web 2.0

Cada vez mais não nos ligamos a um conteúdo publucado por alguém mas sim ligamo-nos uns aos outros.

Aproveito para promover a rede social portuguesa sem fins lucrativos Power of Change que pode ser encontrado em www.powerofchange.net


Muitos parabéns pelo programa,
zakzor

FEML disse...

Acho que as redes sociais sao muito boas.
Eu sou jovem e gosto de politica graças a forum politicos vi a minha orientaçao politica
Existe partidos nao parlamentares que vivem e se organizam graças a forum.
Por isso a interner serve tambem para organizar massas

orlando disse...

Boa tarde,

Como Auditor/Gestor que sou, numa análise que fiz há algum tempo atrás, pude apurar que se todas as redes sociais fechassem durante seis meses, os índices de produtividade cresceriam a ponto de, a uma escala macro-económica nacional, fazerem subir o PIB em 1,5 a 2%.

Não sou contra estas redes sociais, mas como cidadãos, em que cada um de nós tem uma responsabilidade social, devemos ser mais cautelosos no tempo que desperdiçamos de volta destas redes.

Obrigado.
O.Tinoco.

Rainbow disse...

Boa tarde!

Sou utilizadora de redes sociais, nomeadamente do Hi5, se bem que já fui mais dependente disso.
Às vezes pode ser muito util no sentido que podemos trocar mensagens com várias pessoas de quem não temos o e-mail ou número de telemóvel ou encontrar amigos que já não vemos há muito tempo. O facto de coleccionar amigos dá-nos uma pseudo-sensação de popularidade.
No entanto, estas redes sociais podem ser também bastante letais, pois qualquer pessoa pode fazer-se passar por nós e rapidamente denegrir a nossa imagem, ao publicar montagens fotográficas, perfis falsos, etc. Falo por experiência própria... Já aconteceu comigo e devo dizer que as redes sociais não levam apenas a casos de pedofilia ou puro engate. Nos mais jovens pode dar origem ao famoso bullying!

Parabéns pelo programa, parabéns à apresentadora e aos convidados!

Ana Ribeiro

miguel gouveia disse...

Um fórum do genero dos anteriores é o serbenfiquista.com

Como o proprio nome indica, é um forum de benfiquistas para benfiquistas. Mas não se fala só de Benfica nem só de futebol. Fala-se de tudo o que passa pelo mundo, nem só de desporto.
É uma comunidade fantástica com 25000 users registados.

Isso do Travian também joguei, porém agora jogo TycoonOnline, não sei se por aí conhecem.

Bom programa, Miguel.

ines12 disse...

Só estao a focar o twitter mas ha muitos foruns portugueses optimos como e o exemplo do www.xtechpt.com que procura ajudar todas as pessoas com as suas duvidas de informatica entre outros com uma comunidade muito simpatica e cheia de sabedoria.

In. R. disse...

boa tarde!

Estes fenómenos também fazem pensar sobre o efeito da pressão que adesão a estas redes provoca.
Por exemplo, conheço colegas que criam conta no facebook porque... toda gente possui e como tal não se pode "ficar para trás"!
É preocupante ver os adolescentes a tirarem fotos só porque ´sim´, já que o hi5 necessita de fotos actualizadas. Isso trás mais amigos, mais visitas à página pessoal, aumentando a popularidade do mesmo adolescente. A adesão a estas redes parece-me um fenómeno de influência social.

Cumprimentos,

Daniel Silva

Ana disse...

Com tanta inovação em que lugar fica a família que não é viciada?

Guerra Colonial disse...

olá!
eu jogo travian e para mim é muito mais que um jogo. é também uma rede social.
no travian criam-se alianças entre jogadores e como cada server dura cerca de um ano estas alianças transformam-se em amizades, até digo mais, cria-se mesmo um espirito de família!

M. João disse...

Por causa dos meus alunos, aqui há uns anos criei contas no hi5 e no msn. Como trabalhei com alunos com horários bizarros, durante três anos dei aulas no msn - a partir da meia-noite. Horário: 0h00 - 4h00. Foi uma ferramenta muito útil. Para as acompanhar criei blogues onde publicava as matérias. Acreditem, foi uma bela experiência pedagógica! Permitiu-me acompanhar muito mais de perto alunos difíceis de reunir.
Hoje em dia mantenho essas duas contas e criei uma no Facebook: tem-me permitido recuperar o contacto com muita gente - sempre conhecida, não adiciono quem não conheço! - que há muito tempo não via e, em alguns casos, nem sequer já vivem em Portugal.
Como em tudo na vida, há vantagens e desvantagens, bons e maus usos. Vai da cabeça de cada um...

didillas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
AS disse...

Se pensarmos no Moodle é um exemplo de uma rede social educativa que funciona e que é muito utilizada. Mas pergunto, quem gosta de ir lá? Quantos de nos não preferem ir ao Hi5 ou ao Twitter em vez de ir lá?

didillas disse...

neste momento existe um blog que ajuda os jovens a proteger os seus dados pessoais nas redes sociais e atraves de concursos inter-escolas tenta induzir a segurança na internet...

didillas disse...

neste momento existe um blog que ajuda os jovens a proteger os seus dados pessoais nas redes sociais e atraves de concursos inter-escolas tenta induzir a segurança na internet...

Marco Delgado disse...

Como professor acho que,para além da abertura de "novos mundos" a nível social a diversas faixas etárias, as redes sociais de que tanto se fala e que abordaram já no vosso programa têm ajudado muitas e muitas pessoas a quebrar o gelo com as novas tecnologias. Digo isto porque temos milhares de pessoas inseridas no Programa Novas Oportunidades que, graças às redes sociais existentes, ao contacto com diversas pessoas e diversos conteúdos alargam em muito as suas potencialidades no que toca a estas novas ferramentas de comunicação.

Bom programa..

Cumprimentos a todos

@Marco_Samuel

sonharamar disse...

já todos se esqueceram onde verdadeiramente começou esta coisa das redes sociais. Tudo começou no IRC quando se massificou a internet. A ptnet foi durante anos o unico meio massivo de comunicação global entre cibernautas. O alvim deve-se lembrar bem dos tempos do curtocircuito onde á imensos anos atrás o programa comunicava directamente com os telespectadores.

Mariana disse...

Tenho 18 anos, e a minha mãe só me deixou inscrever-me no HI5 aos 15 anos.
Porque a minha prima inscreveu-se no HI5, marcou um encontro e foi abusada sexualmente.
Mas eu também acho que as Redes Sociais são "importantes" para as pessoas que têm blog's ou outras redes, as divulgarem...

Catarina Alves disse...

Boa Tarde,

tenho 19 anos e utilizo frequentemente os blogs. Utilizo o msn e no hi5 apenas autorizo/aceito pessoas que conheço.

Estou na faculdade e tenho um prof. que utiliza uma aula em cada ano lectivo no second live para dar uma aula virtual.

Fernando A. disse...

Olá a todos

Tenho a ideia que este estilo de serviços podem ajudar a sociadade. Dou o exemplo de voltar a ver amigos de infancia ou até a ver familares em longa distancia (que é o meu caso). Acho que pode ser uma boa ferramenta desde que seja controlado.Estou de acordo que até uma certa idade é necesssario haver uma atenção maior aos mais novos(Mesmo tendo 22 anos).

parabéns pelo programa....

Carlos disse...

As redes sociais actualmente estão na moda, mas agora a que está na ribalta é sem duvida o Twiiter, gostaria de falar acerca das empresas que utilizam o Twitter pois o vosso programa já falou acerca de pessoas comuns que utilizam a redes sociais para vários efeitos, as empresas lucram muito com as redes sociais, por exemplo a Dell vendeu com os seus produtos cerca de 3 milhões de dólares através Twiter,quanto é que os criadores receberam?Zero, portanto só neste factor nota-se que o Twiiter foi criado para a comunicação entre as pessoas ao contrario do hi5 que esta munido com publicidade...

Actualmente também na Internet também existe uma excelente interacção entre os portugueses e os brasileiros

Existe também comunidades que se calhar alguns de vos não conhecem portanto comunidades de ganhos oline, fóruns em que se troca informação de como ganhar dinheiro na Internet e garanto que é uma coisa bastante simples portanto desde já recomendo esta comunidade:

http://www.comoganharmuitodinheiro.com/

Em que também se aborda o tema do Twitter neste tópico acho que poderiam ler e discutir algumas noticias lá colocadas vejam o tópico que aborda noticias sobre o Twitter:

http://www.comoganharmuitodinheiro.com/index.php?topic=369.0

Gostaria de deixar uma pergunta a todas as pessoas intervenientes nesta conversa:

Sabem que é possível ganhar dinheiro na Internet com certos sites e que existem comunidades que falam disso mesmo como a que apresentei anteriormente?

Claudiah disse...

Olá, sou a Cláudia e tenho 14 anos.
Tenho o mail de vários professores meus que quando necessito de ajuda me dão 'explicações' pela internet. Sem qualquer dúvida que, nos tempos de hoje, qualquer criança ou adolescente prefere mil vezes ter um computador do que uma televisão, visto que até já existem emissões online.

Beijinhos,
CláudiaFerreira

Anjos disse...

Boa tarde.
Primeiro aderi aos mails, depois criei 2 blogues, rendi-me 1º ao Sonico (rede social), depois ao hi5, my space da hotmail, depois acabei por curiosamente e a convite aderir ao face book mas raramente tenho tempo sequer para abrir a minha página...!
O Objectivo de aderir ao hi5, que foi a 2ª rede que aderi, foi criar grupos relacionados com a doença Fibrose Quística, com transplantes e com outros problemas relacionados com crianças, tive bastante adesão em termos de numero mas a participação é quase nula, acabei por concluir que os blogues e foruns são uma ferramenta mais eficaz. O hi5 é demasiado assediado de mensagens e comentários de pura tentativa de flirt o que acaba por saturar e desvirtuar a tentativa de contactos sociais para aumento de troca de informação. Ainda não tive tempo nem muita vontade de aderir ao Twitter por pensar que é mais um Hi5. Será um pouco diferente? Será que existem redes onde podemos comunicar e aumentar os nossos conhecimentos e trocar impressões sobre questões do quotidiano e não com o intuíto de "engates" ou de andar com receio de "tarados"? Continuo a preferir os blogues e os foruns, existem foruns excelentes onde conhecemos muitas pessoas e se trocam excelentes ideias, ainda não vi isso em nenhuma rede social( sonico, Hi5, facebook) que nos bombardeiam com aplicações para isto e para aquilo e carregam tanto as páginas com "bonequinhos" que nem conseguimos ver o que realmente interessa. Dou como exemplo o meu Hi5 que devo receber quase 100 msg diárias com "Bom Dia...feliz semana, boa tarde...boa noite...feliz dia do dia...ha ha...não existe mais nada!!!"E acabo por apagar tudo e nem ler nada, lá pelo meio se calhar até aparece algo interessante para ler...mas fica lá pelo meio...sem ser lido!Concluo que com 35 anos se calhar já estou velha para estas redes...ou estou na rede errada!!!
Excelente programa!!
Parabéns Fernanda porque você é uma trintona do futuro!

Nelson Jorge disse...

Boa tarde.

Actualmente podemos encontrar vários tipos de redes sociais. Creio que não existem definições para cada tipo, apenas exemplos:
- Hi5, orkut (redes com carácter fundamentalmente social);
- Ning, Neetz (redes usadas para criar grupos. Podem ser usadas em educação para potenciar a aprendizagem através da interacção e colaboração, sendo o aspecto social muito importante neste contexto);
- Twitter (redes emergentes, que se assemelham a chats altamente povoados)

Parabéns pelo programa e pelo tema escolhido.

@nelsonrjorge

Nelson Jorge
UED - IPL
http://ued.ipleiria.pt

BFerry.PT disse...

Boa tarde

Alguém no edição Vosso / Nosso programa hoje já mencionou por acaso os interesses que não os legitimamente comerciais (venda de publicidade de empresas associadas ...) que podem estar atrás de certas redes sociais. Estou-me concretamente a lembrar de notícias em médias credenciados que dão uma das redes sociais mais conhecidas como tendo um dos fundadores um funcionário da principal agência de segurança mundial.
O que pensa o painel de convidados sobre tal ?
Cumprimentos
Filipe S.

tiago disse...

hoje em dia quem nao está nas redes sociais torna-se um "excluido". as perguntas "estás no hi5?no twitter?no facebook?" sao cada vez mais frequentes. porém muitas das vezes a obscessao é tanta que as pessoas nao veem mais nada a frente. enquanto os adolescentes querem saber as novidades sobre os seus amigos, os adultos querem sabe-las sobre o mundo.

se é util? cada coisa à sua maneira, mas assim como tudo, os excessos nao farao mal?

Sandro_Kusturica disse...

Com estas redes sociais tão diversas, até que ponto o lado da interacção sensorial entre as pessoas se reduz drasticamente?*
É uma pergunta a atirar para campos demasiadamente complexos, mas considero-a bastante pertinente.
Em relação ao programa "Sociedade Civil", não poderão correr o risco de em termos de controlar todas as multi-plataformas virtuais nas quais este programa se aventurou?.

1999-2009 MEDI@90.PT disse...

olá
parabens ao vosso programa.
devo dizer na minha opnião que as redes sociais foram uma forma de tornar o mundo cada vez mais minusculo. Apesar de se fazer amigos desconhecido, o mundo do ciberespaço é um lugar em que os todos tem a ultima palavra a dizer.
O futuro mostra cada vez mais hiperactivo nesta ferramenta mas como se diz: quanto maior o poder maior a responsablidade.
por isso os mais novos devem ser responsaveis pelo que fazem, pois muitas das vezes tudo que se faz tem consequencias
um abraço!

media90cj.hi5.com

Mariana disse...

Tenho 18 anos, e a minha mãe só me deixou inscrever-me no HI5 aos 15 anos.
Porque a minha prima inscreveu-se no HI5, marcou um encontro e foi abusada sexualmente.
Mas eu também acho que as Redes Sociais são "importantes" para as pessoas que têm blog's ou outras redes, as divulgarem...

Joao disse...

Boas tardes, gostaria apenas de enaltecer o trabalho do Paulo Querido na promoção do tweetter.
Os tweets dele promovem a seriedade no tweetter.
E são muitos os que actualmente usam o tweetter, seguindo atentamente o trabalho do Paulo Querido... mesmo nos dias em que ele se esquece da pass. Mostrem o PIN do Paulo!!!!

netfm disse...

Um blog pode fazer mais por uma carreira profissional do que a resposta a anúncios de emprego. Da mesma forma, pode impulsionar uma nova carreira, alicerçada em gostos pessoais ou hobbies. Não faltam exemplos de blogs para promover a venda de malas ou colares feitos à mão, quadros e mesmo, bolos (muitos destes exemplos correspondem a mães que abandonaram a sua vida profissional para cuidar dos filhos, alguns dos quais com deficiências). Logo, um blog é um excelente veículo de divulgação e promoção. No estrangeiro, consultores e speakers têm um blog associado à sua página pessoal, sendo a forma de actualizarem a informação relativa ao seu trabalho. O twitter complementa esta função.

Sylvie disse...

Por exemplo o Myspace é óptimo para conhecer bandas novas! ou seja, tiro partido do myspace!

Alexandra Santos disse...

Parabêns sociedade civil este programa é do mais interessante e mais completo que se pode participar e aprender todos os temas actuais e esclarecedores muito completos vou continuar a participar até já

BijouxKa disse...

Eu fui basicamente adoptada pela Net.
Desde as box, aos ircs ( votados ao ostracismos agora :o/ ) aos Hi5, Flickr, orkut, msn, facebook, twitter... fui passando por todas e crescendo..
Foi giro... casei quase online.. e os amigos vieram para IRL.. Actualmente uso estas redes diariamente e é nossa função dar a parte gira, instrutiva, social aos nossos filhos.
Só tenho uma reserva... fotos pessoais que nunca pus e ja lá vao 10 anos :o)

beijinhos e bom programa

Dominic Oliveira disse...

Quais as vantagens e desvantagens no mundo profissional destas redes sociais?

Antonio disse...

já utilizo a net há mais de uma dezena de anos (15...19?). Tambem ja acompamho a sociedade civil a algum tempo. Uilizo o msn e utras redes sociais. Tenho a certeza que o futuro passa por ai. Por exemplo na altura dos óscares estive a acompanhar na radio comercial onde havia interacção com o pessoal, eram colocadas as nossas provissões para o oscar. Na altura não tinha o twitter, mas assim comsegui aguentar-me ate ao fim. Devido á parilha de informação, de sentimentos, de gosto...
E.Abade

martagaspar disse...

Já tinha sido convidada mas não aceitei pois julgava que era tudo para brincar. Coa a Fernanda e seus convidados, acho que vai ser a minha próxima ferramenta para ajudar os animais.
Lembra-se da minha idade?Entrei agora no Twitter como poetasenior

akkot disse...

falam de redes sociais como myspace, twitter, como hi5 ou outros, mas "esquecem-se" dos grandes jogos na internet, como o tribalwars, o travian, ikariam que, apesar de serem jogos com objectivos onde se tem que fazer algo (neste caso conquistar aldeias), tambem tem foruns internos entre os jogadores e pode-mos mandar mensagens entre os jogadores. onde se pode falar de tudo um pouco. Chega a um ponto onde o que mais alicia nesse jogo não é o objectivo do jogo em si, mas sim o forum interno e os amigos que se fazem nesse jogo.

Sissi disse...

O grande risco para os mais pequenos é silêncio que reina nos cada vez mais escassos momentos familiares e a transferência absoluta do diálogo para as redes sociais.
https://twitter.com/Bruxinhadepapel

ADMAzevedo disse...

Boa tarde,

Costumo aceitar todas as pessoas no meu Hi5, mas de pouco serve, por vezes adicionamos as pessoas e não falamos com elas..
Começo a ter saudades dos fins da tarde na rua a jogar futebol com os amigos, actualmente está toda a gente enfiada em casa a frente de um computador? Será isto socializar? é isto viver?

Gargalhada =D disse...

Boa tarde!

Como em tudo, isto têm aspestos positivos e negativos. Irrita-me profundamente o facto de muita gente ver o hi5 como algo que serve "exclusivamente para o engate". Nada disso.
Cresci nesta "geração hi5". Vivo com isso todos os dias e não me sinto minimamente "exposta". Só lá pomos o que queremos. Se eu quiser que só amigos meus o vejam, ponho como privado e pronto.

Não sou mais ou menos feliz por ter hi5 ou não, é um facto. Mas, sinceramente, gosto porque é uma forma de me manter em contacto com amigos que estao longem ou com quem tenho poucas vezes a oportunidade de estar.

Se há [e há de facto!] quem utilize mal este tipo de ferramentas, isso está à consciência de cada um!

=)

Parabéns pelo programa*

Nuno da Costa disse...

Boa tarde,

Antes de mais fiquei surpreendido com o programa, porque não é costume ver e hoje num almoço menos interessante houve a surpresa do dia.

Eu uso internet desde os meus 10 anos aproximadamente (tenho 18 actualmente) e acho que apesar das mais valias na rapidez da informação o conteúdo deixa muito (muito!) a desejar.

Ora vejamos.
Se por um lado a informação é transmissivel a uma velocidade muito grande (agora posso falar com um amigo meu que tenha viajado para a Alemanha, sem pagar o dinheiro que gastaria por telefone), a qualidade dessa informação é muito muito preocupante.

Como disseram no programa agora já quase que interessa ter mais amigos no hi5 (correcção: "amigos") do que ir para a praia com os amigos (e estes sem aspas), mesmo que para isso implique a publicação de imagens menos próprias no perfil do Hi5, muito em culpa das modas que por aí andam de querer ser mais popular do que o vizinho do lado.

Acho que este tipo de exibicionismo é muito pouco saudável para os valores éticos da nossa sociedade.
A rede social que uso é maioritariamente o MSN Messenger.

É verdade que o fenómeno da internet é expectacular para a interacção virtual, mas meus amigos, será que não estamos a ficar demasiado dependentes do mundo virtual? Será que devemos afastarmo-nos assim tanto do mundo palpável, do mundo real?

Abraços,
Nuno Ramos