terça-feira, julho 3

TESOUROS EM CASA


Em quase todas as casas portuguesas há obras de arte, pequenos luxos ou velharias herdadas dos avós, guardadas religiosamente num local seguro ou expostas com destaque na sala de estar. A maioria dos cidadãos desconhece o real valor destas peças, que em alguns casos podem valer largos milhares de euros. Neste Sociedade Civil queremos com os melhores especialistas em antiguidades avaliar os tesouros guardados na casa dos portugueses.

32 comentários:

Jorge disse...

Boa ideia para um programa! Faz lembrar aquele programa da BBC.
:)

Pedro disse...

Parabéns pelo programa e um boa tarde a toda a equipa do sociedade cilvil.

Pedro Marinho de Arcos de Valdevez

Pedro disse...

Por acaso não tenho relíquias em casa, mas até gosto de coisas antigas mas na realidade gosto de ter uma casa pratica e espaçosa por mais que pequena ela seja, lembro-me ter jurado quando morava na casa da minha mãe que um dia se tivesse a minha casa não queria quinquilharias porque quando limpava o pó era eu e não tínhamos empregada e a minha mãe pedia-me ajuda, respeito quem gosta de obras de arte e a importância e o valor que as peças tem para as pessoas mas para mim não atribuo valor nenhum ás coisas que tenho em casa apenas as uso porque preciso e penso que o amor ás coisas devem ter vida e não fazer tesouros em casa quando existe tanta pobreza, o meu melhor tesouro é ver o ser humano feliz, detesto injustiça, vejo tipos que tem animais embalsamados e peças caríssimas e que lhe dão um valor incalculável, acho isto no mínimo um atentado á pobreza é á igualdade, respeito mas não admito ter peças muito caras em casa. Sou assim, penso assim.

Pedro Marinho de Arcos de Valdevez

lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lady_blogger disse...

Boa tarde.

Sobre este assunto tenho a sugerir que se esteja atento às feiras e exposições de antiguidade, e nelas se procure saber o preço de um objecto similar que lá se venda, para assim saber o valor aproximado de algum suposto tesouro que tenha em casa. Não vá só a uma feira, vá a várias.

Há muitas leiloeiras, sendo a mais conceituada a inglesa Christie´s que chegou já a avaliar as 862 obras da colecção de Joe Berardo em 316 milhões de euros.

Algumas peças que todos sabemos de antemão que algum dia terão valor são as da marca Sacavém cuja fábrica fechou há anos, e as da marca Vista Alegre. Mas estas são só um mero exemplo português.

Existem vários sites que podem ajudar a perceber o quão valiosa é uma peça, um desses sites é o português antiquarios.pt, onde pode encontrar avaliadores, leiloeiras, restauradores, etc.

Cumprimentos civis.

Maria Mendes

lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lady_blogger disse...

O melhor tesouro que se tem em casa ou na rua, é a nossa existência digna, a nossa família, e os nossos amigos.

É claro que também gosto de antiguidades, e aprecio demasiado quinquilharias requintadas e loiças de marca, porém não compro em excesso peças caras e faço muito a comparação de preços e do estado das mesmas.
Mas estes são tesouros materiais...

Maria Mendes

Maria disse...

O maior tesouro que possuo em casa é realmente a minha família e nada é mais valioso que isso, não tem preço.


Das antiguidades que tenho em casa, um ferro de engomar a brasas, discos de vinil e gira-discos, candeeiros a petróleo, porcelanas e a minha avó ainda tem balança de pesos, relógio de pêndulo, canalizações a partir de um reservatório, chuveiro de balde, mas penso que nada destas coisas tenham algum valor.

Sarinha disse...

Talvez este nao seja o momento indicado, mas gostava imenso de felicitar toda a producao pelo vosso enormissimo programa.

Continuem e felicidades

Cátia disse...

Considero o programa do maior interesse e penso q todas as pessoas deviam assistir ao mesmo, sempre q pudessem, sobretudo devido à sua abordagens aos mais variados temas, nos mais diversos níveis. A apresentadora está de parabéns, tem conseguido conduzir o programa de uma forma bastante eficaz, no meu ponto de vista.

Em relação ao tema de hoje, penso q a maioria das pessoas terá tesouros em casa.
Pessoalmente, acho q um dos tesouros da minha casa é um poço que está no quintal, o qual é utilizado frequentemente para certas actividades domésticas. E acredito q será cada vez mais uma raridade, tendo em conta a escassez de água doce não contaminada, a nível mundial. =)
É um privilégio!

Cátia

Pedro Laranjeira disse...

À semelhança da possibilidade que existe já de obter um mandato para entrar numa casa e multar quem rouba sinal à TV Cabo, gostaria de ver algo semelhante que permitisse multar quem conserva animais embalsamados ou peles decorativas - afinal, nesses casos, a violência contra os animais não carece de prova, ela está patente e visível!

pedrocarlos disse...

As varias referencias que se estao a fazer ao Reino Unido nao sao casuais.
Aqui, a ideia de coleccionar ja tem seculos e as pessoas guardam mesmo as coisas.
E a quantidade de programas televisivos que se dedicam as antiguidades e invulgarmente alta.

Espero que em Portugal as pessoas aprendam a conservar nao so bens moveis como os imoveis.

Senao podeis conservar e preferivel vender para quem possa.

Pedro Alves

caos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jorge disse...

Eu também tenho um gira-discos e discos de vinil.

Maria disse...

A palavra “antiguidades” foi mal aplicada, são realmente velharias e era a isso que me referia, por isso é que disse que não acreditava que tivessem qualquer valor. :)

pedrocarlos disse...

Acabei de ouvir que um automovel ou um aspirador desvalorizam e portanto e melhor deitar fora.

Pois, esse e o problema em Portugal!

Meus amigos, o que e antiguidade agora ja foi banal antes!

E por causa das pessoas nao pensarem no futuro que em Portugal ha menos antiguidades do que no Reino Unido.

Um exemplo muito simples:
quando e que achais que um Ford T valeu mais?
Quando foi lancado ou agora?
Foram produzidos mais de 100000 automoveis Modelo T, e todos eram vendidos abaixo de $1000, ate chegaram a se-lo a $300!

Quanto e um Modelo T vale agora?
De certeza mais do que $1000 - €734.4!

Anónimo disse...

olá boa tarde, a minha tia tem um solar do sec17 com capela ao pé do solar, recheados de coisas,nunca lhes deu valor pois já é rica o suficiente.
Um dia quem poderei levar lá para avaliar os móveis, as louças, os objectos?
É que tudo o que está no solar é do século17.

Maria disse...

Estou a ver que tenho que ir vasculhar a casa da minha avó… :)

maria disse...

Onde podemos ter acesso a fotos de moedas e notas valiosas para comparar com as que temos em casa?

Inês Garrett disse...

Antigamente havia quem guarda-se ouro, grandes quantias de dinheiro e objectos preciosos enterrando na terra, escondendo debaixo do colchão ou em buracos estratégicos nas paredes.

Agradecemos a esses nossos antepassados pouco sapiens. Quanto mais não seja, obrigadinho pelos ossos que vamos desenterrando. São sempre tesouros.

:)

Anónimo disse...

tenhu em cas 2 piituras com a assinatura de "Velasquez". Será que vale alguma coisa?
se alguem me puder ajudar o meu contacto é 96741591

Anónimo disse...

tenhu em cas 2 piituras com a assinatura de "Velasquez". Será que vale alguma coisa?
se alguem me puder ajudar o meu contacto é 916741591

Inês Garrett disse...

A escolha das Sete Maravilhas portuguesas é ainda mais dificil do que a escolha dos Grandes Portugueses. Parabéns pela organização!

Bruna disse...

eu desejava saber quanto pode valer uma moeda de 5 reis de 1906, e onde me posso dirigir para a vender?
obrigada

Anónimo disse...

o que a arte tem de especial em relação ao mercado capitalista é que a sua valorização depende da opinião de especialistas e não do seu valor de uso e troca. como comentam o caso da motorista americana que descobriu que tinha um pollock mas não consegue ver reconhecida a sua autenticidade apesar de várias provas de que o quadro é mesmo original.
maria, lisboa

Anónimo disse...

Tenho 2 moedas uma de 1833 e outra de 1823 de 40 escudos.

Serão peças raras?

martagaspar disse...

Quis entrar e nao coinsegui. Nem telefone!É que eu tive 1 loja de antiguidades e fui mt enganada. Sobraram peças que nem sei distinguir! Terei a possibilidade de encontrar 1 avaliador que me ajude? Tenho 70 anos e fui levada e agora estou sem ajuda com uma reforma de miséria. E ainda tenho peças de familia(nao de loja) que eram de minha avó.Obrigada. Ester

Joe Marques disse...

Houve 1 Sr Padre que tomava (conta) da Ermida da Nossa Sra D'Aracelis do Distrito de Beja,situada no limiar do concelho de Beja-Castro Verde que nos anos 90,levou da dita Ermida,1 antigo exemplar da Biblia e que a pergunta posterior de 1 Tio meu sobre o evento respondeu: esta peca e muito valiosa e esta Ermida nao merece ca ter 1 exemplar destes!
Por isso levou-a,mas nunca disse para onde.
Eu que cheguei a pintar a porta da referida Ermida,cheguei a ler essa antiga

Biblia e da zona nunca ninguem pensou sequer a leva-la dali,so ao Padre.

Tera isto explicacao?!
1 Abraco.

Anónimo disse...

Tenho em minha posse uma moeda do tempo do reinado napoleónico, mais precisamente de 1856, de 10 centimos. Gostaria de saber que valor poderá ela ter no mercado nacional ou internacional.

Patricia Soares e Maria Vilela disse...

Somos duas alunas finalistas do curso de Conservação e Restauro, do Instituto Politécnico de Tomar, e ficamos muito sencibilizadas pela escolha do tema, que normalmente não é abordado pela comunicação social.....Os proprietarios de obras entregam nas mãos de supostos profissionais qualificados, que colocam em causa a integridade física dos objectos, que no nosso ponto de vista os desvalorizam!!
Apesar de nos qualificarem ao nivel da conservação e restauro, temos também formação de história, história de arte e até mesmo de peritagem e inventário. Logo será importante perceber que os inventários, entre outras actividades devem ser realizados numa parceria interdisciplinar, e com fiscalização!Os Conservadores têm mais competências!

martagaspar disse...

Que boa ideia.
Tenho 1 moeda em ouro estado BELA de D. Luís, 10 mil reis. O catálogo diz um preço de 350 euros. Por este preço fica para minhas netas, Será que vale mais?