segunda-feira, setembro 14

Planos de contingência contra a Gripe A

Os números apontam que 11% dos portugueses estejam em risco de contrair gripe A no próximo Inverno.
Com o número galopante de casos já não é possível conter o vírus e a prioridade recai agora nos planos de contingência de controlo da doença.
É óbvio que nos preocupamos com o ambiente em redor, a nossa casa, o local de trabalho e até mesmo em alterar as formas de saudação dos mais chegados. Mas há muito mais a fazer.
É preciso pôr em prática planos em empresas nos setores dos transportes, alimentar, escolar, entre outros que congregam multidões.
Sem alarmismos, saiba neste SC o que toda a família deve fazer nos locais que frequenta todos os dias, caso.

Convidados:
Pedro Ribeiro da Silva, Direcção-Geral da Saúde
Eduardo Agostinho, Médico de Medicina Geral e Familiar e Medicina do Trabalho
Victor Vieira, Dir. do Departamento de Protecção Civil da Câmara Municipal de Lisboa
Luís Filipe Borges, ex-caso de gripe A

26 comentários:

Tiago Presley disse...

Boa tarde... Gripe A e inicio de aulas... Qual a percentagem de aulos tem de ficar afectado para a escola ser fechada?
E já agora um abraço para o Luis Filipe Borges do Tiago Presley ;D

Tiago Presley disse...

Pergunta para o Luis Filipe Borges, Boinas...
O que realça de mais negativo na gripe A ?

- Um abraço para o Luis ;D

Anjos disse...

Boa tarde.
Como pais de 2 filhos menores de 5 anos é por só preocupante, agrava bastante por ´termos um desses filhos com Fibrose Quística. Temos tido muitos cuidados, evitamos shopings e locais com muita concentracção populacional, práticamente não saímos de casa, excepto o meu marido que trabalhaha diáriamente num hospital como enfermeiro, ficamos preocupados se mesmo com muita cautela o virús entrara pela porta principal de casa!!!Se um de nós adultos tiver sintomas não será mais prudente o internamento para evitar o risco de contagiar os nossos filhos? Aqui a preocupação major é com o filho com doença pulmonar grave e não saber o que mais fazer para evitar ao máximoo seu contágio. Fazemos de tudo mas não estamos numa vitrina e o resto das pessoas andam por todo o lado e muitos não tomam o minimo das precauções.Acho que muitas das medidas de higiene se deviam manter mesmo quando está pandemia se resolver. è incrível a falta de higiene que se "sente" em muitas pessoas.

Anabela disse...

Boa tarde

Estou com uma gravidez de risco de 8 semanas e tenho um filho de 2 anos que frequenta a creche. Gostaria de saber quais os perigos para a minha gravidez caso contraia a gripe A e qual o nível de segurança da vacina.

Obrigada
Anabela

Strawberryzinha disse...

A minha opinião é que as televisões, um dos principais meios de veiculação de informação nos dias de hoje deram um cariz demasiado alarmista a esta situação divulgando os números galopantes de novos casos como forma de prender os espectadores aos seus noticiários.

Somente após um excessivo período de tempo começaram a suavizar a situação, a meu ver quando a notícia já não podia ser mais espremida do ponto de vista sensacionalista, não podia dar mais notícia porque já estava gasta...

loadmess disse...

Boa Tarde!
Parabéns pelo excelente programa!
Nunca é demais realçar a importância da prevenção seja qual for a doença em questão, neste caso em particular é preciso informar bem a população para saber o que fazer e a quem recorrer em caso de contágio.
O que me deixa triste é o facto de não se dar o mesmo tipo de mediatismo a outros problemas tão ou mais graves que este, porquê?
Queria deixar aqui este video, que deve ser visto com um sentido crítico, mas que pode também ser objecto de reflexão.

http://www.youtube.com/watch?v=P33L_6vGRBI&feature=quicklist

boa tarde

António Silva disse...

Boa tarde!
A forma como é abordado o tema nos meios de comunicação social, em Portugal, provoca pãnico nas pessoas! Todos os dias as notícias são: o nº de casos de Gripe A subiu para x... em vez de ser: existem novos casos de Gripe A, no entanto a maior parte está a recuperar sem problemas, ou já estarão curados...
Estive em Agosto em Londres, onde o nº de infectados é muito maior que aqui, e raramente se ouve falar nessa pandemia... apenas aparecem uns panfletos para nos prevenirmos naturalmente da gripe (curiosidade: cruzei-me com uns portugueses no underground e eles estavam todos stressados a desinfectarem-se constantemente, preocupadíssimos em ñ tocar em nada nem em ninguém...)
Gostava da vossa opinião em relação à linha 24! Já experimentei, mas desisti... acho que nas urgências do hospital é mais rápido o atendimento...
Abraço e benvindos =)

carmen irmamata disse...

Boa tarde Fernanda.

Uma pergunta para os convidados:)
O meu marido toma 200mg por dia de Ciclosporina, um imunossupressor por ter aplasia medular.
Já sabemos que ele deverá parar a toma do medicamento em caso de apanhar a gripe, mas o que esquecemos de perguntar à médica foi se ele terá febre no caso de apanhar a gripe.
O facto é que ele não faz febres. Nunca o vi com febre. Isso pode ser da ciclosporina? E se ele não tem febre... como identificamos a gripe (se por acaso a apanhar)?

Obrigada

A Sem Nome disse...

Boa Tarde!
Relativamente a esta questão, acho que as escolas apesar de todas as medidas ainda não estão completamente prevenidas.
Eu como aluna, posso dar o exemplo das aulas de ginástica em que o uso de sabrinas não é obrigatório e aquando da falta de existência destas, a aula é executada pelo aluno descalso. Tenho conhecimento de um colega meu que apanhou pé de atleta dessa forma, conforme se apanha pé de atleta também se apanha gripe a. Outro exemplo são as bibliotecas, é complicado para as contínuas estar de segundo a segundo a verificar a quantidade de mãos que passa por cada livro!

São só alguns de vários exemplos.
Parabéns pelo programa!

Santos disse...

Boa tarde... Seguindo o comentário do Tiago, gostava de perguntar se é realístico pensar em fecho de escolas e faculdades devido à gripe, visto que a minha faculdade tem perto de 6 mil alunos, se existe um perigo real de contágio e de fecho das unidades de ensino.
Parabéns pelo programa

sara disse...

Já me informei do plano de contigência da minha escola, mas todos sabemos que no meio de tantos alunos, existe sempre quem não cumpra as regras de segurança, o que fazer se apresentarmos alguns dos sintomas da gripe, mas ainda não possuirmos a "febre alta" que a caracteriza? Devemos ir à escola utilizando máscara, ou primeiro procurar um médico para termos um diagonóstico?
Sara

Discave disse...

Sou vigilante de um C.comercial, qual privou uma cliente ao saber que se encontrava com gripe A de entrar com mascara, (a isto se chama alarmismo) até nós (segurança) fomos incutidos de abordar a senhora e em caso contrário contactar as autoridades para que fosse acompanhada à rua. Sei que devem ficar em casa, mas não será uma situação assim um pouco discriminatória?

amr disse...

Boa tarde,

eu tenho 36 anos, estou grávida de 21 semanas e nos últimos tempos comecei a ficar mais preocupada com a questão da Gripe A. Isto porque a vacinação, que, à partida, seria a solução mais tranquilizadora, tem sido alvo de alguma controvérsia, sobretudo na imprensa britânica e espanhola. Estou tentada a optar porr não me vacinar, e nesse caso, uma vez que já trabalho maioritariamente a partir de casa, evitar locais mais movimentados e ter todos os cuidados indicados. Msas não deixa de ser angustiante: o que é que será mais seguro para bebé? Arriscar a vacina ou arriscar a contaminação?

Obrigada pelo programa, como sempre, vem ao encontro das nossas preocupações.

Cumprimentos,

Ana Marta

Pimenta disse...

Boa tarde a todos,

Deixo desde já os meus parabéns por este excelente programa e no esclarecimento de muitas questões a respeito deste vírus.

Na sequência do mesmo gostaria de perguntar onde está o plano nacional de emergência para estes casos ou para outros?

Pelos comentários aqui colocados podemos desde já reconhecer a ignorância, em vez de perguntar ao médico ou à linha de apoio colocam a questão aqui.

Devemos sempre lavar as mãos e não só por esta situação.

Cumprimentos a todos

Marcia disse...

Boa Tarde!
Sei que já falaram de gravidas e crianças, mas o minha dúvida é em relação a bebés. tenho um bebé com 4 meses e gostaria de saber mais informações sobre a gripe A e seus efeitos num bebé tão pequeno.
Já agora se a vacina chegar às crianças será segura?
Obrigada
Márcia Rodrigues

fim de semana no passeio disse...

Gostaria de saber as grandes diferenças entre a gripe normal e a gripe A numa gravida, ambas sao de risco?
cumptos ao "boinas"..

A Sem Nome disse...

Relativamente aos Jardins de Infância, as crianças estão constantemente a meter lápis e qualquer outro tipo de objectos na boca. Apesar de haver o desinfectante é difícil controlar todas as crianças e todos os objectos. Já há alguma medida para tal?

HENRY SHARP disse...

Boa tarde,
quem pensa engravidar nos próximos meses deve esperar mais algum tempo devido á ameaça da gripe A ? E os profissionais de saude que lidam com doentes durante 24h por dia que cuidados devem ter ? Como evitar ? Que medidas de protecção existem o que fazer ?
Mário Fróis (Rio Maior)

SilvanaR.O. disse...

Tema: Prática desportiva (natação)

Boa tarde, quais os riscos de frequentar piscinas públicas para a prática regular da natação.
Muito obrigada, parabéns pelo programa e pelo excelente trabalho de todas as organizações e pessoas aí presentes.

andre_castro_2 disse...

Boa tarde.Uma vez que algumas pré-escolas e escolas tomaram a medida de suspender a escovagem dentária gostaria de saber se é legítimo permitir que as crianças deixem de lavar os dentes nas escolas em virtude da gripe A? Prevenimos assim a gripe A negligenciando a saúde oral?

fim de semana no passeio disse...

Falaram na questao das noticias dos media sobre a gripe A, estes dias nao se tem visto qq noticias a falar em qts casos aparecem por dia, qd foi em agosto era noticia de abertura neste momento n se fala,, qts casos tèm aparecido por dia nesta ultima semana em portugal???

Catarina Abreu disse...

Boa tarde,
Gostaria de saber se uma pessoa de 65 anos com efisema pulmonar deve ser sujeita a algum tipo de prevenção? E para pessoas com doenças genéticas, existe algum procedimento específico?
Obrigada e parabéns à SC. É pena o programa não ser transmitido em horário Nobre.
Catarina Abreu

Fábio Oliveira disse...

Boa tarde... Visto que a GRIPE A muitas vezes acarreta uma pneumonia, não deveriam as pessoas de risco se vacinarem com uma vacina que previna a pneumonia como a pneumo23?

Obrigado

Fábio Oliveira

rui disse...

Boa tarde

Se tiver febre, devo tomar algum medicamento ou é aconselhável deixar "andar" mais uns dias para confirmar se será gripe A?

rui

A Sem Nome disse...

Com a questão das faltas, que sejam justificadas ou não, agora é mais fácil de se chumbar o ano. Caso se fique de quarentena, há algum tipo de justificativo que impeça tal situação?

fim de semana no passeio disse...

Oscillococcinum / site. http://www.ventausa.com/theproducts.cfm?cat=6&master=7480&owner=739, produtos hemeopaticos aconselham ??? os medicos normalmente n os defendem muitos mas ha quem os defenda?? que dizem ai os entendidos??