quarta-feira, fevereiro 3

Como proteger-se das catástrofes naturais

150 mil mortos e um país arrasado foi o resultado do sismo que abalou o Haiti no dia 15 de Janeiro.
E se tivesse ocorrido em Portugal? Estaríamos preparados? Que planos têm a nossa Protecção Civil? O que pode acontecer em Portugal se houver um sismo ou outra catástrofe natural que traga uma vaga de destruição ao país?
Bombeiros, autoridades policiais, forças armadas, autarquias estão coordenadas em caso de um sismo avassalador?
Quantos portugueses têm um kit de segurança em casa? Sabemos reagir em caso de sismos?
Os melhores especialistas em protecção civil explicam-lhe neste SC como proteger-se de qualquer desastre natural.

Convidados:
Fernando Santo
, Bastonário da Ordem dos Engenheiros
João Martins, Membro da Direcção da Plataforma Portuguesa das ONGD e Director-Executivo da ADRA - Associação Adventista para o Desenvolvimento, Recursos e Assistência
Carlos Mendes, Chefe do Núcleo de Planeamento de Emergência da Autoridade Nacional de Protecção Civil
Duarte Caldeira, Presidente Liga dos Bombeiros Portugueses

9 comentários:

Vitor Frazão disse...

Espero estar errado mas, tendo em conta o modo como agimos no que diz respeito a questões tão simples como manter sarjetas e matas limpas, de modo a ajudar a prevenir inundações e fogos, respectivamente, não acredito que estejamos preparados caso surjam problemas de maior envergadura.

Espero que provem que estou errado.

http://cronicasobscuras.blogspot.com/

Martinha disse...

É muito difícil imaginarmos a nossa reacção perante uma catástrofe. Depois também dependerá da intensidade desta e daquilo que, naquele momento, nos estará a acontecer a nós e a possíveis familiares. Manter a calma??!! Hum, dúvido. Bastante sorte, talvez seja aquilo que desejo para todos nós.

Ju disse...

Se por acaso Portugal fosse atingido por um sismo da mm "brutalidade" do que house no Haiti, nao teriamos resposta porque lisboa iria literalmente"abaixo", e dps para onde iriam os feridos, para os hospitais distritais?!?
Em relação a outras catastrofes, bastam 5 dias de chuva para haver inundaçoes, neste pais e isto porquê?
porque os proprietarios de terrenos e quintais, nao os limpam!
as camaras e juntas de freguesia nao limpam as sarjetas no verao para que estas no inverno deêm vazão à agua do inverno!
Os bombeiros têm como prioridade esperar que o telefone toque para irem dar show com os prilampos acesos (passado 1 hora). mm que a urgencia seja um espinho no dedo...
É este o pais o nde vivemos!!!

Joel disse...

Olá eu sou o Joel tenho 12 anos e quando eu andava na escola de 1º Ciclo na E.B.1 de Monte Redondo a escola tinha um alarme com o botão de fogo e outras emergências mas não o usava nem para simulacros alem disso andei-la 4 anos e tínhamos palestras mas como já disse não as púnhamos em pratica.

͘ disse...

Preparem-se!! Entre este verão e o próximo teremos um grande sismo em Portugal. Milhões morrerão.

Cumprimentos

Raí disse...

Olá boa tarde, pois eu tenho o dito kit de emergência, ou seja alguns litros de água, alimentos, rádio a pilhas e lanternas...agora a minha questão é a seguinte.
Para que servirá esse kit se por exemplo ele estiver numa despensa e toda a casa se desmoronar e os elementos de uma família ficar em outras partes da casa e não houver acesso ao dito kit?

Parabéns pelo programa!

José Liceia disse...

Penso, que só houvesse um sismo de magnitude semelhante ao que houve no Haiti, a destruição não seria tão grande. Mas, corríamos o risco de se seguir um tsunami. A julgar pelo simulacro realizado há uns anos, parece que tudo está sobre controlo, mas a julgar pelas situações que se vivem por esse país fora, tais como assaltos, a insegurança, a negligencia das pessoas no que toca á sua própria segurança, a imagem parece diferente...

Sinceramente, acho que se houver um sismo forte em Portugal, estamos bem arranjados...

Vitor Brito disse...

Muito se fala de um Sismo em LIsboa, mas o que todos deveriam saber é que se vier a acontecer, os meios de socorro da cidade são os primeiros a ficar inoperacionais.

Assim sendo, o socorro vai ser muito demorado...

A pequena ameaça que aconteceu recentemente em Portugal, deixou sem comunicações muitas das entidades que prestam socorro,mas ficou no segredo dos Deuses.

͘ disse...

Boa tarde Srs.Drs.,

No outro dia surgiu uma noticia num canal concorrente, que dizia que, se houvesse um sismo 7.2 no local onde foi o de 6.0 em Dezembro, morriam apenas trinta pessoas!! Isso é possivel? Que numero é esse? Foi para não alarmar ninguém? Vale a pena ter um purificador de àgua em casa para prevenção em caso de catastrofe?

Obrigado!