quinta-feira, dezembro 2

Orçamento de Natal

No ano passado, os portugueses gastaram mais de 300 milhões de euros. Já com a crise à porta, não se inibiram nos gastos e as viagens para Caraíbas, Brasil e Cuba esgotaram! Como se vão comportar este ano? A tendência parece ser a da poupança, mas será que se vai refletir nos gastos da época que se avizinha? Neste Sociedade Civil queremos dar o maior número de dicas e conselhos para presentes solidários, ecológicos e sem gastar muito dinheiro. Nomeadamente apoiando projetos de associações da sociedade civil.
Conheça e faça compras inteligentes sem desfalcar o orçamento previsto para a época natalícia.

Convidados:
Susana Albuquerque, Secretária-geral da ASFAC - Ass. de Instituições de Crédito Especializado
Isabelle Romão, Directora de Marketing da AMI
Manuel Líbano Monteiro, Engenheiro Civil
Cristina Valente Psicóloga, Consultora Parental

2 comentários:

mim disse...

Boa tarde a todos!
Estão sempre de parabéns pelo programa, aprendo sempre qualquer coisa.
Quanto ao tema de hoje, gostaria de enviar uma frase minha, que tem toda a ligação com os assuntos de que estão a falar: "Neste Natal, mais do que dar presentes, torna-te Presente." Um Feliz e Santo Natal,
Mª Francisca Paupério Brandão

Rita disse...

Com a crise na ordem do dia começam a ser emergentes todas estas iniciativas e discussões sobre as questões financeiras. Por aqui, já há bastante tempo e muito antes da crise se instalar que as poupanças sempre foram prioridade, e agora mais do que nunca!

As prendas de Natal são traduzidas por miminhos como bolachinhas caseiras, doces caseiros feitos na altura do Verão na abundância da fruta e/ou tudo o que possa ser feito ou confecionado. Num dos anos cheguei a fazer pequenos vales onde oferecemos abraços e beijinhos à discrição e até um almoço e jantar na nossa casa! Afinal temos de fazer o nosso Natal como achamos que ele deve ser vivido... com muito mais Amor, do que consumismo desenfreado.

Parabéns mais uma vez pelo programa