sexta-feira, fevereiro 18

1.000ª emissão Sociedade Civil

Nos momentos de crise financeira, moral e social as organizações da sociedade civil – fundações, ordens profissionais, ONG, etc. – destacam-se pelo contributo que dão ao coletivo, seja com a prestação de serviços, a definição de regras setoriais, a pressão política ou a formação da opinião pública. Ao comemorar o 1.000º programa, o Sociedade Civil pretende reunir grande parte dos parceiros para que juntos possamos fazer o balanço de perto de 1.500 horas de emissão em direto, milhares de convidados e abordagens diferenciadas com os objetivos de esclarecer e apresentar soluções ao público.

Convidados:
Jorge Wemans, Diretor RTP2
Pedro Lomba, Jurista
Helena Matos, Ensaísta
Joaquim Vieira, Pres. Observatório de Imprensa

14 comentários:

Mara disse...

MUITOS PERABÉNS A TODA A EQUIPA QUE FÁZ OU COLABORA NESTE PROGRAMA DO QUAL SOU ASSÍDUA TELESPECTADORA (DESDE QUE PASSEI À REFORMA).

SEM QUERER MELINDRAR OS OUTROS PERMITAM-ME QUE DESTAQUE A Fernanda Freitas PELA MANEIRA SIMPÁTICA E PROFÍSSIONAL COMO CONDUZ O PROGRAMA.

NO MEIO DE TANTOS PROGRAMAS SEM QQ INTERESSE DÁ GOSTO ASSISTIRMOS A ESTE.

PARABÉNS, MAIS UMA VEZ E CONTINUEM.

Antonieta Conde

Mara disse...

Parabéns a toda a equipa da RTP, e principalmente direcionado ao Programa Sociedade Civil, pela longevidade do programa, pelos temas de interesse e possibilidade de se adquirir novos conhecimentos, através de tantas pessoas convidadas, que ajudam a observar a realidade da sociedade em que vivemos.

Parabéns pela simplicidade da apresentadora, que da simplicidade passa à complexidade dos temas actuais, com tanta naturalidade! É desta forma que tudo se torna mais autèntico, e, com mais facilidade se pode acompanhar as opiniões de peritos e leigos, criando uma empatia de boa ocupação de tempo.

Parabéns também à RTP2 que sempre foi o meu canal de televisão preferido, em alternância,porque se encontra qualidade, muita qualidade.

Parabéns SEMPRE!

ester maia

Virgínia disse...

Muitos parabéns pela 1000ªedição.
Excelente programa de informação; actualidade permanente dos temas; competência e brilho discreto da Fernanda que deixa os seus convidados explanar tranquila e objectivamente as suas ideias...
Sou uma consumidora do programa e tenho pena que muita gente neste país não veja por não repetir noutro horário.

Ivo disse...

Parabéns antes de mais pela longevidade e criatividade de um programa que em muito tem ajudado na divulgação da opinião publica e também na ajuda a discussão de temas que a todos nós dizem respeito.
É fantástica a forma como o programa cresceu, num canal que muitas vezes é "descredibilizado" em função dos restantes canais. A meu ver a RTP2 é o canal mais cultural que Portugal teve, conseguindo atingir todas as faixas etárias desde crianças (com os desenhos animados educativos), até ao jovens adolescentes e adultos (com programas como o 5 para a meia noite, sociedade civil etc).
Desde os meus tempo de infância sigo a RTP2, e dando os parabéns ao programa deixo também os meus parabéns às entidades gestoras deste canal, por darem espaço e tempo de antena bem empregues a estes programas.
Parabéns, continuação e que venham mais 1000!

Gil Cavalheiro disse...

1ª Pergunta:
Gostaria de saber porque é que o programa Sociedade Civil da RTP 2 só disponibiliza no site da RTP os vídeos mais recentes das suas transmissões.
2ª Pergunta: Porque é que a RTP não disponibiliza no seu site todos os programas transmitidos pelo menos desde 2006?

Como contribuinte pago na minha factura da electricidade uma percentagem para o audiovisual. Como é que é possível não estarem disponíveis vídeos de há duas semanas?
Os canais da concorrência disponibilizam vídeos desde 2006 e não tem qualquer obrigação de o fazer pois não possuem o papel de serviço público.
Gostaria de ouvir as opiniões dos convidados sobre esta matéria.
Será que me vão responder?

José Costa disse...

Deixem-me colocar uma questão fundamental para definir o que é a "Sociedade Civil": Para quem emitem e com quem querem dialogar quando utilizam como intervenientes no programa, representantes que estão ligados ao "Sistema"?
De notar que estas corporações que se alimentam do nosso dinheiro, nada têm que ver com a Democracia, com a ética de vida ou dos costumes, nada tem que ver com a real sociedade civil a que eu pertenço!
Será que ainda não perceberam o que quer a verdadeira sociedade civil?
Será que ainda não perceberam o que querem os abstencionistas?
Será que ainda não perceberam que o país não avança enquanto a nossa opinião e o que queremos, não for levado em linha de conta? será que ainda não perceberam que não podem ignorar eternamente a vontade de mais de metade do nosso povo?
E chamam ao vosso programa "Sociedade Civil"?
De que "sociedade civil" falam?

santos_aida disse...

Parabéns para o seu programa, que se mantenha no ar durante muito tempo. Acompanho sempre que posso, na minha opinião é de grande importância a existência de programas como o seu espero que a RTP o reconheça e continue a apoiar.

Cumrpimentos

Carlos Filipe Miranda Collaco disse...

Parabéns a toda a equipa do "Sociedade Civil" ao atingir este importante marco quantitativo.
A qualidade, acuidade e relevância do programa está assegurada desde a primeira emissão, assumindo-se como trabalho de verdadeiro interesse público.
Cumpre assim a RTP2 diariamente através do "Sociedade Civil" a sua missão de canal público de TV visando, em última análise, melhorar o desempenho da sociedade portuguesa.
Em todos os domínios.

MIGUEL GARCIA disse...

Acho o vosso programa fundamental para a nossa sociedade.
É pena que os espectadores de televisão, não vejam a RTP2, que é o canal português mais culto e informativo.

MIGUEL GARCIA disse...

O vosso programa é dos melhores para informação aos telespectadores.
Eu faço parate da associação dos epilepticos e por ter conhecido mais através do vosso programa fiquei satisfeito
O que tenho pena que por defeito a nossa sociedade não se interessa pela cultura e informação da RTP2 que para mim é o melhor canal informativo.
Quase ninguem vê o canal 2 da RTP é a que pode abrir mais e amadurecer a mente dos portugueses sobre a sociedade do nosso país.
Os programas culturais também nenhum dos outros canais independentes concegue concurrer.
Se a população quando vê televisão visse mais a RTP2, talvês não houvesse tanto analfabetismo em portugal.
Obrigado pela vossa colaboração e que este programa continue mais tempo para ajudar todas as associações.

OS AGRADECIMENTOS DE BRUNO GARCIA

Cláudia disse...

Aqui deixo os meus parabéns à equipa. Também a todos os elementos que participaram no projecto e que já não estão com ele. Decerto merecem.
Fui convidada para ir ao programa Sociedade Civil há uns anos, quando ainda era responsável pela revista Ragazza em Portugal.
Foi a minha estreia televisiva e de televisão. Ou seja, a primeira vez que entrei num estúdio, que respirei o ar da televisão.
Também apaixonada pela comunicação, continuo rendida aos (ainda existentes) encantos da imprensa escrita. Foi, porém, uma experiência inesquecível.
Entretanto, passaram-se anos. O mundo mudou desde aí. O meu mundo também. Trabalho neste momento nas Edições do Gosto, uma empresa que acredito sinceramente ser digna de merecer a vossa atenção. Convido-vos desde já a entrar em www.e-gosto.com de forma a que percebam aquilo que as minhas palavras tornariam forçado.
É o meu agradeciento e contributo pela 1.000ª Sociedade Civil: parabéns pelo trabalho desenvolvido e o meu voto na continuidade.

Cláudia Robalo

João disse...

João

Parabéns ao programa, um verdadeiro serviço público. Temas antigos mas sempre atuais e que terão que ser repetidos no futuro. Parabéns também à apresentadora que tem feito um trabalho, digamos, consideravelmente acima da média, muito dedicada.

Lady-blogger disse...

Parabéns! Que velhinho o SC!
Posso apagar uma velinha do bolo?

Continuação de bom trabalho!

P.S. Só precisam de alguém que seja mais frontal e que diga o que pensa sem temores. Eu diria...

Hoje para além dos habituais Cumprimentos Civis, envio também um beijinho de Parabéns a toda a equipa responsável pelo SC.


Maria Mendes

Eu Por Cá disse...

Muitos parabéns ao programa "Sociedade Civil" por esta bonita emissão, um facto só ao alcance de muito poucos.
Também à apresentadora Fernanda Freitas e toda a sua equipa, os parabéns por terem tornado o programa uma referência no panorama televisivo português e espero que continuem (ou até melhorem) a capacidade de esclarecer, discutir ou promover temas relevantes e úteis para o nosso dia-a-dia em sociedade.