quinta-feira, fevereiro 17

Osteoporose

11% dos portugueses com mais de 50 anos sofre de osteopenia e 30% de osteoporose. A classe médica revela-se agora particularmente preocupada com o aparecimento de osteoporose em mulheres cada vez mais novas. O rastreio é imprescindível para detetar de forma precoce uma doença que vai roubando vitalidade sem que a(o) doente se aperceba. Neste Sociedade Civil vamos incidir na prevenção e saber como se tratam os 800 mil doentes em Portugal. Quais as despesas do Estado no tratamento desta doença? É mais barato prevenir do que tratar? Como fazer o rastreio?

Convidados:
Paulo Felicíssimo, Médico Ortopedista e Presidente do Colégio da Especialidade de Ortopedia da Ordem dos Médicos
Viviana Tavares, Médica Reumatologista e Pres. da APOROS - Associação Nacional contra a Osteoporose
Manuel Neves e Castro, Médico Ginecologista e Fundador da Sociedade Portuguesa de Menopausa
Fátima Baptista, Faculdade de Motricidade Humana – Laboratório de Exercício e Saúde

5 comentários:

Isabel disse...

Boa tarde tenho 58 anos e ando +/- numa eliptica, (10min.,15min., as vezes chego aos 25min.)pergunto a eliptica é boa para os braços e pernas ou não e que tempo devo andar? obrigada
Isabel

jonny disse...

Boa tarde!

Qual a diferença entre a osteoporose e a doença de pagê?
Tratam-se de doenças herditarias?

Felicidades!

Marco disse...

Gostaria de colocar uma questão aos convidados.
Sou médico dentista e deparo-me com paciente que estão sendo medicados com bifosfonatos para tratamento de osteoporose, o que implica directamente com alguns tratamentos dentários (extracções) causando osteonecrose com muito mau prognostico.
Gostaria de saber se existe algum outro fármaco que possa ser utilizado no lugar dos bifosfonatos ou se há alguma guideline em relação a este problema?
Atenciosamente,

Marco Baptista. 

Simple things disse...

Boa tarde
Tenho 33 anos e tenho um macroadenoma (prolactinoma) tenho dores de costas , nas pernas e nos braços, custa-me fazer esforços físicos, será que tenho um início de osteoporose?
Obrigada
Ana Martins

João disse...

Boa tarde.

Por favor, podiam indicar-me o nome do médico gastroenterologista que falou no fim do programa?

Obrigado.

João