quarta-feira, maio 16

30 ANOS DE NOVELAS

Estávamos no ano de 1977 e era exibida a primeira novela que terá chegado a motivar a interrupção de um Conselho de Ministros. A oferta televisiva nunca mais foi a mesma e as famílias portuguesas habituaram-se a reunir à frente do televisor. É o ano de vigência do I Governo Constitucional eleito nas primeiras eleições livres, em 1976.
É também o ano em que Portugal formaliza o pedido de adesão de à U.E.
E 30 anos depois? Que importância têm e tiveram as novelas no universo português?

21 comentários:

Anónimo disse...

As telenovelas não têm qualquer valor educativo, existem em excesso e tiram tempo de antena a programas esses sim mais educativos, especialmente em horário nobre.

Há 14 anos atrás passava na televisão uma média de 2 a 3 telenovelas diariamente, e só uma em horário nobre, desde esses tempos para cá que são cerca de 15 por dia, e cerca de 7 em horário nobre.

Para além das telenovelas existe outro flagelo chamado de Reality Shows que também ocupam muito tempo de antena. Ou seja, no fundo a televisão está a ficar cada vez pior, sem qualquer valor educativo/informativo, em que as estações de televisão apostam na estupidificação dos telespectadores de forma a obterem os tão esperados lucros da publicidade.

É verdade que a culpa aqui não é só das estações, mas também dos telespectadores, pois porque ao invéz de quererem obter cultura e informação, preferem ver programas com nenhuma qualidade (telenovelas, big brother, fiel ou infiel, etc etc etc etc), e isso é importante para contractos de publicidade.

Deveria ser sim ser obrigatório que programas e documentários de excelência como o Sociedade Civil, e tantos outros, passassem em horário nobre, para que a sociedade portuguesa começasse a se desenvolver para melhor.

Paulo

Pedro disse...

Alguns espectadores até mesmo “falam com a tela”, num esforço de aconselhar as suas personagens preferidas!
Como disse certo terapeuta, os actores tornam-se realmente “um círculo de amigos”.
É esse aspecto sedutor um perigo sutil?
Podem estes programas corromper aos poucos o coração das pessoas e serem alimentandas irrealidades?
O que têm mostrado a pesquisa e as experiências nestas matérias?
Para mim desde que as novelas entraram em Portugal os divórcios aumentaram em grande escala derivado ao prazer de muitos copiarem os romances o que suscita nas pessoas a fazer o mesmo, a televisão é uma arma perigosa, não acham? Ela induz á acção e movimenta massas, as novelas são autênticos “governos” que nos controlam a mente como o estado nos controla implacavelmente os impostos.
Pedro Marinho
Arcos de valdevez

Tiago disse...

Vocês estão a brincar, não estão? Acho que devem assumir isso, ou corre-se o risco das pessoas que vêm telenovelas dessa forma lerem e acreditarem que estão a falar a sério... :)

Pedro disse...

Se os portugueses lessem tanto e investigassem como vêem novelas, éramos o povo mais culto e inteligente do mundo.

Se os pais estudassem com os filhos o tempo que vêem novelas os seus filhos eram os melhores alunos, porque razão isso não acontece será que os pais gostam mais das novelas do que dos seus filhos?

Daniela disse...

É bem verdade que a maior parte das novelas têm argumentos pobres e pouco educativos. No entanto, há que ressalvar - e não podemos ficar alheios a isso - a uma tentativa de alguns autores de novelas, como Manuel Carlos, de introduzir temas sociais relevantes nas tramas. Temas de saúde como a leucemia, doenças cardíacas, doença de Alzheimer, toxicodependência, alcoolismo, entre outros, são exemplos de "espelhos sociais", que podem contribuir para uma maior literacia social e em saúde. Recorde-se que, após a novela "Laços de Família", que deu a conhecer a necessidade de uma maior doação de medula óssea, para ajudar os doentes com leucemia, o número de dadores triplicou, no Brasil. Trata-se, pois, de uma evolução a este nível e que, gradualmente, pode constituír um exemplo para as novelas portuguesas. Este fenómeno é ainda incipiente, em Portugal, muito embora, já se tenham registado um ou outro caso parecido, nalgumas telenovelas da TVi. Um ex. recente é o da novela "Tu e eu", que aborda a doença de Alzheimer, no idoso e seu impacto na família.

Daniela Gonçalves
Socióloga dos Media

Daniela disse...

Concordo, no entanto, que programas como o "Sociedade Civil" deviam ocupar também o horário nobre... É uma pena este tipo de programa ser preterido por uma sequência de várias novelas... Uma coisa é uma novela à noite outra é esta sucessão imparável, em prol das audiências.

Andreia disse...

Concordo que a novela seja entretenimento, mas quando temos canais que passam 3 a 4 telenovelas durante a tarde e 2 ou três depois do telejornal, torna-se num exagero total. N minha opinião, prefiro as séries que pretendem retratar alguma época ou facto importante, como foi o caso de "A Ferreirinha" e outras tantas.
Aproveito para felicitar a Filomena Gonçalves pelo seu papel e também a RTP por apoiar este tipo de entretenimento em vez de telenovelas como Floribelas e outras demais...

Pedro disse...

Os maridos aqui no Minho queixam-se de que as mulheres não lhes ligam nenhuma, passam horas a ver telenovelas, as mulheres acusam os homens de verem muito futebol e agora como se poderão entender? Nem quero imaginar. Vocês não acham que as pessoas passam muito tempo a ver telenovelas? Façam um a novela onde se meta futebol e romance será um sucesso. Penso que as telenovelas devem ter um papel de combate aos problemas graves da sociedade, mas também pergunto porque se realiza poucas novelas com crianças, porque?

Pedro Marinho

Anónimo disse...

A telenovela tenta imitar a realidade, não a põe em causa, o que pode também ser uma expressão artística... e é indutora da preguiça mental do espectador: apresenta o bem e o mal duma forma maniqueísta. Tal como outras séries de "culto" apresentadas pela RTP2 que não são mais que telenovelas com menor frequência. O que é assustador no fenómeno das telenovelas e afins é a exclusão social a que se pode estar sujeito por não aderir à panóplia comercial em volta dos ditos programas, como as saias floridas ou a t-shirt do noddy. de resto cada um gasta o seu tempo de vida como melhor lhe souber, e concerteza é agradável passar algum tempo por dia a rir ou a confirmar que somos iguais aos outros.
maria, odivelas

josé pedro chaves disse...

As novelas de Portugal a relação as do Brasil,são ainda bébes.Temos um ou dois autores e actores portugueses conhecidos a escrever novelas portuguesas enquanto os brasileiros escrevem novelas portuguesas e brasileiras.Porquê é que um argumentista português tem que ser obrigatóriamente que ser actor de novelas do passo que os argumentistas brasileiros podem ser somente escritores?Os escritores portugueses são tão intelegentes para escrever uma novela?
As novelas da RTP são as melhores como a Lenda da Graça onde retratou duas sociedades do Porto e Guimarães,A Ferreirinha onde mostrou a vida da DªAntonia de Ferreira e retratava a sociedade e deu a conhecer a região demarcada do douro,A Grande Aposta onde retratava a sociedade de Cascais,ect.
Enquanto a SIC e TVI,são tão fracas que até parecem que os argumentista vem em quando fazem copy+paste das novelas da RTP,por exemplo,a Ganância onde retratava a sociedade de Cascais,mas deu polemica que parecia que os argumentistas copiaram uma outra novela brasileira.
Eu gosto de novelas que retratam a nossa sociedade e os nossos problemas,detesto e até despenso aquelas novelas que só estão da grelha da programação só para encher chouriços.

Anónimo disse...

Na minha opiniao as novelas devem ter um numero indeterminado de episodios, pois assim o impacto do publico E bem maior. E todos os assuntos da sociedade poderao ser expostos com mais pormenor. E claro haver uma identificacao.

Anónimo disse...

um bocado á parte do tema, alguem me sabe dizer qual o nome da musica do genérico e respectivo autor? obrigado

Liliana disse...

Na minha opinião, as telenovelas, as series, os filmes, são iguais, na medida em que são ficção, mas sempre com a realidade presente, diferindo apenas na sua duração. Não menosprezo de maneira alguma uma telenovela pois tem sempre algo para oferecer, seja puro entretenimento, divertimento, seja o outro lado mais intelectual e educativo. Gostaria de salientar um exemplo, de a ultima novela brasileira que segui, "os quintos dos infernos" penso k era assim o nome, que retratava a independência do brasil, de uma forma, historica, com humor a mistura, ou seja divertida, eu confesso que desconhecia essa parte da historia, qual o Rei nesse tempo, enfim, tinha uma total ignorância nesse capitulo da nossa Historia, e essa novela, me fez procurar informação acerca dessa altura e compara-la com a historia que nos mostravam na novela, comparando o rigor historico, eu agora sei quem foi "Maria Leopoldina" graças a essa telenovela.. :) Aproveito para agradecer ao autor, o facto de me ter enriquecido com um pouco mais da historia portuguesa, e sobretudo de me a ensinar de uma maneira divertida e descontraida..!! As telenovelas, podem ser de facto mais uma via de educação divertindo ao mesmo tempo. Parabens a todos os que contribuem para proporcionar momentos de lazer assim.

josé pedro chaves disse...

Enquanto as novelas infantis e jovenis tipo Flobela,a menina chata que parece virgem e que da a entender que as meninas virgens são mais certinhas e que as pobrezinhas são mais espertas do que as meninas riquinhas.E dos Morangos com Açucar,são meninos e meninas de Cascais que as personagens são eles ou elas mesmas,e falem em quero ser famoso a todo o custo.
Esse tipo de novelas são parvas ao ponto de os jovens e crianças fazerem,ter e actuarem das mesmas atitudes com as personagens da mesma.
O Risco era a melhor novela infatil-juvenil portuguesa até o momento.

JOana disse...

na minha opinião, as telenovelas,ao contrário do q é dito, têm valor educativo! é obvio, q existem boas e más novelas, como tudo!!! O caso dos Morangos com açucar, é um optimo exemplo disso, para mim, é uma boa telenovela, que fala de muitos assuntos que são reais na vida dos adolescentes!!!Até digo mais, na minha opinião, os assuntos até são tratados de uma forma muito "soft", ao contrário do q se pensa, a vida dos jovens é muito pior, existe mais delinquência, mais droga, mais "tudo"!!!Mas também não esqueçamos q esta novela é composta por personagens de um nivel social médio/alto! os morangos não ensinam nada de mal, pelo contrário, ensinam q nunca é tarde para mudar comportamentos!!!


Joana
Cartaxo

Tiago Cavaco disse...

As telenovelas são um escape. Uma espécie de vida paralela que se expande para várias vidas e se condensa em 50 minutos de emissão. Eu nunca consumi drogas, nem cometi adultério, nem fiz surf no Brasil, mas por outro lado já experimentei isso tudo em novelas, já soube as consequências e já me arrependi. Depois acaba e eu volto à minha vidinha.

Anónimo disse...

ninguem me pode informar sobre o nome da musica do generico do programa?
estava interessado em adquiri-la.

obrigado

José Araújo disse...

Novela é mero produto de consumo mediático.Não sou apreciador do produto mas não condeno quem o seja , mas...Há que têr algum equilibrio, pensando mais com acabeça do que com a carteira...

Mas é um mal geral , que não só afecta a produção televisiva como também outras áreas como a musica ,e ai sim estamos mediocres , preconceituosos, ao ponto de milhares de portuguêses acharem por involuntária ignorância , que musica é somente o que é mediaticamente catologado...

Como parte do meio musical (underground) , fico abismado como dezenas de bons musicos são obrigados a emigrarem , para que a sua musica tenha algum apoio , e falo de muita gente talentosa , que faria inveja a outros quantos artistas com nome da praça...

José Araújo(Roadie e musico)

maria disse...

Nunca gostei muito de novelas, mas por vezes quase que somos "obrigados" a assistir quando queremos descansar/relaxar um pouco no sofá e há apenas uma televisão na casa e as outras pessoas preferem ver novelas.
Claro que podem dizer, há um cem número de coisas para fazer em vez de ver novelas, pois é verdade, depois de um dia de trabalho à frente de um computadores e papelada, não apetece muito...enfim, prefere-se antes sentar no sofá e assistir à TV, mas eis que há mais pessoas em casa que preferem ver novelas. Que desastre! Se queremos ali ficar, temos mesmo que assistir também.
Mas ainda bem que temos programas como o Sociedade Civil que assisto sempre que posso (neste caso porque estou sozinha em casa), bem como outros programas da RTP2 (minha favorita), e que é o único canal (tendo eu apenas os 4 nacionais) que a esta hora dá alguma coisa de jeito e útil.
Só tenho pena que as pessoas não prefiram, tal como eu, este canal e este programa, porque aqui sempre se aprende alguma coisa, ao contrário das novelas que são apenas um passatempo.

O pior inculto é aquele que não quer aprender, tal como um ambiente limpo não é aquele que se limpa mais vezes, mas sim aquele que menos se suja.

Concordo que um programa como o SC tem importância suficiente para passar em horário nobre, mas o problema depois seria que a maior parte das pessoas não iria assistir, uma vez que a essa hora é só novelas e mais novelas e mais novelas...

Parabéns ao programa que é excelente, só tenho pena de não poder assistir sempre, pois eu prefiro o SC e a RTP2 e não as novelas! :)

Anónimo disse...

Parece que lá para as bandas da TVI existe um programa da Júlia Pinheiro muito bom e informativo também.

Sara disse...

As telenovelas até têm algum valor educativo mas menos do que séries ou filmes (normalmente) e penso que são uma boa forma de entretenimento. Até porque penso que com tudo se aprende (com umas coisas mais e com outras menos ou quase nada...)! Só que acho que hoje em dia passam na TV em excesso!

Mas sempre têm muito mais valor que programas como Fátima, Você na TV ou sic 10 horas ou outros do género porque considero serem daqueles com os quais se aprende quase 0, quase lixo para as mentes... Futebol também colocaria ao mesmo nível. Mas, no entanto, é o que temos... E os telejornais estão cada vez mais deprimentes, repetitivos, cuscovilheiros e parciais!

Sem dúvida, a RTP2 é o melhor canal!!! E vivam as séries científicas!!!