quarta-feira, junho 27

SAÚDE ORAL: APRENDA A MANTER A SUA BOCA SÃ

A saúde oral constitui uma preocupação para a generalidade dos portugueses, a avaliar necessidade que as seguradoras têm sentido de incluir a estomatologia nas coberturas dos seguros. Uma boca mal tratada pode provocar várias doenças, inclusive cardíacas, e uns dentes sãos favorecem o relacionamento com os outros. Saiba como tratar a boca, evitar doenças e melhorar a imagem. Tudo isto e mais, no Sociedade Civil de hoje.

70 comentários:

teresa, Cartaxo disse...

É muito bonito falar-se de saúde oral, o problema é q a maioria dos portugueses não têm dinheiro para a conseguir ter ou manter!!!
É carissimo ir ao dentista, é raro conseguir ir a um dentista q leve menos de 50€ pelo seu serviço mais barato!
Eu falo por mim!Há 9/10 anos tive um problema nos dentes causado por um dentista, dps de ter mudado de dentista, cm é obvio, começei um programa de tratamento q me obrigou a ir no minimo 1 vez por semana, durante, aproximadamente 6 meses ao meu actual dentista!Imaginei o dinheiro q lá ficava, a minha sorte foi benefeciar do ministério da justiça, por parte do meu pai, já q eu na altura era menor!!!

Todos os tratamentos eram pagos a 10%, mas eu tive de colocar 3 pivots, e isso já não é comparticipado! Custaram à 9/10 anos, 270 contos!
Agora digam-me se os portugueses, estão preparados, financeiramente, para isto!!!

Gostava q lessem a minha história!
obrigada

Sapiens disse...

O sorriso é de facto algo que actualmente significa muito para os portugueses. Mas, como sabemos, antigamente os cuidados eram poucos ou nenhuns... isso quer dizer que a Higiene Oral está a ser cada vez mais melhorada.
Qual o verdadeiro porquê desta situação? Gostaria que me respondessem ao porquê desta evolução...

=D

Pedro disse...

Em Portugal um aluno de medicina dentária a estudar custa aos portugueses muito dinheiro e depois esse mesmo aluno não trabalha para o estado, no fim do curso vai para o privado porque lá é só facturar… porque razão os centros de saúde não tem dentistas? Tratando os dentes aos utentes. O estado devia financiar porque é um direito a que temos, da qual pagamos os impostos e não podemos tratar os dentes assim evitava-se doenças a longo prazo e como resultado claro despesa ao estado provocadas pela falta de higiene oral, será que os dentes não fazem parte do corpo humano? Será que só tem dentes quem quer? O tempo dos “piratas sem dentes” e dos dentes de ouro já lá vai… a saúde em vez de melhorar está a piorar, os políticos de tanto "mentir" ainda lhes caiem os dentes. Portugal tem um sorriso doente e caro...tratar os dentes é muito custoso, os dentistas sabem bem que cobram muito dinheiro…cada consulta dependendo do caso mesmo assim é uma hipérbole da sociedade esta área, os portugueses qualquer dia não vão poder comer “broa de milho” porque não terão dentes com uma medicina dentária nacional da forma como existe e opera, os portugueses devem começar a poupar para um dia a curto prazo comprar uma placa dentária talvez daquelas “chinesas” e de “marfim” porque por este andar no futuro só nos resta sorrir com dentes falsos porque os verdadeiros já foram “borda fora”

Pedro Marinho de Arcos de Valdevez

checa disse...

e triste ver tanta gente com sorriso com tantas faltas!!acho que dos 10 portugues so um pode aranjar o sorriso, porque o serviço e muito carro!eu tenho vergonha do meu sorriso mas tenho outras despesas para pagar. e pena porque um sorriso pode abrir muitas portas para muitas pessoas e oportunidade.

Anónimo disse...

Fernanda, que tal fazerem um programa sobre bicicletas ?

maria disse...

1 a 2 vezes por ano tenho dores e inchaço por causa de um dente do siso e ando a adiar a ida ao dentista por ser tão caro. Porque é que não existem médicos dentistas no serviço de saúde público?

pedrocarlos disse...

E muito comum falar nos cuidados alimentares e na limpeza oral mas ha questoes que ou nao sao muito referidas ou nao o sao de todo.

Quais sao os efeitos na saude oral:

do pessimo habito de roer unhas ou quaisquer objectos - canetas, lapis, etc;

do tabaco, e se ha diferenca entre fumar cigarros, charutos, ou cachimbo;

do consumo de bebidas alcoolicas?

Obrigado.

Pedro Alves

Anónimo disse...

O qe eu acho também é que esta é uma especialidade de luxo...tal o valor que se paga por cada consulta e tratamento.
Por conseguinte o podermos ter dentes até tarde, é um privilégio dos ricos!
Comecemos pela infância...quem tem dinheiro para pagar os custos em Ortodôncia?Quem tem dinheiro...porque o mais caricato é que na maior parte dos serviços médicos a comparticpação nesta especialidade é diminuta.
Resta-nos chegar aos 50 anos e termos para melhorar o nosso aspecto de recorrer a próteses dentárias. Sim porque eu sou do tempo em que se era pela retirada dos dentes ou então eram tratados com espaços tão grandes entre cada tratamento (isto nos serviços médicos publicos) que quando chegava a hora de "chumbar" como se dizia, o dente estava completamente cariado. E era tudo tão doloroso!
Não é por acaso que se abriram tantos consultórios desta especialidade, sem que no entanto a mesma seja acessível a qualquer um e não é só uma questão de higiene.
Um abraço e Parabéns pelo programa
Maria

pedrocarlos disse...

O meu flho gosta muito de ir ao dentista pois nao so foi habituado a ver como nos, os pais, estamos la descontraidos, como ainda gosta muito das maquinas que la ve.
Ele ate ajudou o dentista a segurar um tubo na minha boca!
E fe-lo muito bem!
O dentista estava espantado com a destreza e o cuidado do meu filho, que tinha acabado de fazer 5 anos!
Digam-lhe que vamos ao dentista e ele fica todo contente!

Pedro Alves

Tiago disse...

É verdade que existem muitos problemas dentários causados pela alimentação? Na pré-história não existiam cáries dentárias? Seria justo a indústria alimentar financiar o tratamento dentário da população?

Anónimo disse...

Qual os preços médios para aparelhos removiveis e fixos para dentes e qual a média de tempo que se tem de usar?

Se uma pessoa não poder pagar pode obter algum apoio em algum lugar ?

pedrocarlos disse...

Quanto ao custo de ir ao dentista...
E realmente muito caro.
Reconheco que sou um privilegiado.

Infelizmente, a maioria dos portugueses nao podem ter boa saude oral.
Triste pais...

A minha sugestao e que quem possa se desloque a Faculdade de Medicina Dentaria.
Nao me lembro se e gratuito ou se e o custo que e baixo.
De qualquer forma sempre custara menos, do que ir ao privado.

Pedro Alves

Filipa Silva disse...

Sempre que o problema da saúde oral em Portugal é debatido, ouvem-se os "coitadinhos" dos dentistas a dizer que o nosso país é dos piores em comparação com a União Europeia, com um ar muito desapontado.
E que tal baixarem um bocadinho o preço das consultas?
Ou devemos sempre esperar que seja sempre o Estado a fazer tudo para mudar o rumo das situações adversas do nosso país?
Engraçado a Srª dentista que está no programa dizer que o "caro" é relativo... para ela pode ser, visto não ganhar o ordenado mínimo, nem estar desempregada.
O facto de estarmos sempre à espera que seja o Estado a resolver os problemas, deixa-nos exactamente no estado em que estamos...
Não seria possível os dentistas ganharem um bocadinho menos, tornando a ida ao dentista algo acessível a todos?!

Gostaria de deixar uma pergunta no ar... O porquê das consultas serem tão caras?!

Obrigada pelo programa fantástico!

Filipa Silva

pedrocarlos disse...

Caro Tiago, sempre existiram muitos problemas dentarios, logo na Pre-Historia tambem.
Os dentes recuperados pela arqueologia mostram bem esses problemas.

Cumprimentos,
Pedro Alves

Anónimo disse...

Infelizmente desde miuda que tenho problemas com a dentição. Tomei muitos antibioticos em criança e tambem peninsulina e cortizona. Sera que isso fez com que a minha dentição se tenha tornado muito fragil? Vania

Manuel Silva disse...

"Programa de saúde oral até aos 16 anos..."
Pois! Se nem médico de família há: vivo no centro do Porto e as minhas filhas, de 2 e 6 anos, não têm médico de família.
Eu muito menos, claro.
Quando fui pedir à médica (de recurso ou lá o que é) que passasse a declaração para a inscrição na escola ela disse que não, e não passou, porque "não conhecia aas crianças de lado nenhum".
CS Carvalhosa, se querem saber.

Anónimo disse...

embora concorde com a teresa qto ao preço os portugueses desvalorizam a ida ao dentista. realmente e caro mas se os mesmos 50 € forem gastos num jantar ou numa farra ja nao e caro... existe ainda muito esta mentalidade e se comparar os preços do dentista com uma ida ao cabeleireiro!!!
Esto a ouvir os programa e considero que muitas vezes a informaçao dada por outros proficionais de saude (pediatras) sao diferentees das recomendaçoes dos dentistas exemplificando a pediatra do meu vizinho de 3 anos diz que ele so deve lavar os dentes a noite e com a pasta da mae... para mim embora leigo na materia penso que a pasta deve estar de acordo com a idadew da criança e se deve logo de inicio incutir na criança o habito de lavar os dentes 3 vezes por dia no minimo, nao?

iblog4u disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joana, Campo Maior disse...

A questão dos dentistas e dos "aparelhos" (não estou muito dentro do tema, pelo que não sei se se lhes chama alguma coisa em especial) tem suscitado, por estes lados, algumas questões que nos levam a duvidar da "honestidade" do nosso dentista e até da qualificação. Quando tive de usar aparelho não tive qualquer problema em questões de tempo e resultados. No entanto, conheço amigos cujo processo foi arrastado durante bastantes anos (sendo a minha situação bem mais "grave") e outros cujos resultados não foram em nada os esperados. São, de facto, visíveis as diferenças mas para o lado negativo, já que, depois de 3 anos, e passo a citar, a serem "chulados" conseguiram não mais do que um maxilar assimétrico... coisa que antes não tinham. A questão é como proceder nestes casos, a quem nos devemos dirigir, qual a probabilidade de ficarmos numa posição favorável depois de tanto dinheiro gasto e de problemas causados...

ana disse...

No escovar dos dentes, embora com escova macia, o sangramento é frequente. O que devo fazer, tendo em conta que já usei aparelho fixo há 5/6 anos?
Acabo por lavar apenas cerca de uma vez por dia os dentes por causa disso. Penso que sempre aconteceu isto, até porque também acontece à minha mãe, mas na altura o dentista não detectou nem aconselhou nada.
Ir regularmente ao dentista? Isso é para esquecer, porque ainda somos alguns em casa e se cada um fosse regularmente ao dentista ficaria uma fortuna (coisa que já custou bastante quando coloquei o dentista), deixando já de parte os outros problemas de saúde em que se tem que ir mais urgentemente porque acabam por ser mais importantes.

caos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tiago disse...

Eu falei em cáries dentárias especificamente, não quero prolongar a conversa porque sei pouco sobre o tema, mas já observei em diversas fontes o comentário de que na pré-história não existiam cáries dentárias (julgo que é o problema mais comum) que é uma consequência dos açucares e hidratos de carbono que consumimos.

Algumas culturas tribais faziam/fazem a sua higiene oral mastigando apenas determinadas plantas fibrosas. Seria isso eficiente, ou apenas integrado na sua dieta específica?

Anónimo disse...

Gostaria se possível que me informassem se há alguma explicação e forma de corrigir a dificuldade muitas vezes de mastigar com a sensação de que o maxilar dá um "estalo" ao fazê-lo e provocar dôr.
A minha filha tem-se queixado ultimamente desta situação.
Onde a devo levar?
Parabéns pelo programa. Só é pena não conseguir fazer a multiplicação desta especialidade com o acesso dela por parte de todos os portugueses
Um abraço
Ana

ANTONIO disse...

Boa Tarde agradecia-lhe se tal fosse possível que algum dos seus comentadores desse uma opinião acerca de uma duvida que me surgiu depois de ter recebido um mail em que reatava os benefícios acerca da agua oxigenada e no caso concreto em fazer um bochecho com agua oxigenada.

Anónimo disse...

Deixo aqui outra questão, com 28 anos ja passei muitas vezes por dentistas. Ja coloquei aparelho fixo durante 3 anos que me custou na altura 1500€, fora as manutençoes que custam 50€ por consulta. Nem sei bem o dinheiro que gastei. obviamente o estado nao paga nada. Infelizmente descobri ha alguns meses que tenho um dente que foi mal desvitalizado e que por esse motivo tem um infecção. Consultei varios dentistas e todos me indicam que a unica solução é extrair o dente e substituir por implante. Um implante custa 1500€. o nosso governo nao comparticipa nada e os seguros de saude cobrem apenas despesas de no maximo 500€ anuais.
Alerto para os seguros que são um engano.
Vania

isabel costa disse...

É verdade que o flúor oral que os pediatras receitam às crianças podem trazer problemas ósseos na idade adulta?

Anónimo disse...

à pouco uma vossa participante referiu que diagnosticava a bulimia. eu como psicologo clinico considero uma irresponsabilidade no minimo alguem sem formaçao especifica em diagnostico de quadros psiquiatricos avançar com tar afirmaçao.

Anónimo disse...

Há que salientar que, falta por parte do estado comparticipação para os tratamentos dentários, mas quem tem um salário médio e alguma informação e sensibilização para a saúde oral, continua com entraves para os tratamentos.
Fui este ano a um ortodontista (brasileiro) para colocar um aparelho com o intuito de ganhar espaço para colocar uma coroa. O orçamento foi de 5500€!!
Como é que sei que é um ortodontista de confiança e que vale o esforço?!
Tentei saber outras opiniões e conclui que só para saber um orçamento, em qualquer dentista paga-se uma consulta.
É inconcebível...

maria disse...

Supostamente deveríamos lavar os dentes após cada refeição, mas na impossibilidade do dia-a-dia, o que devemos fazer?

Já agora, uma outra pergunta, o uso de elixir para bochechar é benéfico ou nem por isso?

Jorge disse...

Tal como já foi referido uns dos maiores obstáculos à saúde oral é a privatização deste sector.

Tiago disse...

:o O caso de cão morto traduzido em português...

Parabéns

lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

A mensagem que se está a passar de que a saúde oral é muito cara, não é a mais correcta. Como a convidada médica dentista referiu, o ser caro é relativo. A saúde oral é posta de parte de um modo gritante.
É muito importante que as pessoas percebam a importancia da saude da boca.
O que é facto é que as pessoas preferem por ex. dar roupas de marca aos filhos do que proporcionar-lhes uma boa saude oral!

Maria disse...

Para um próximo LER+ (se não o tiverem já feito), dar um livro a ler a uma criança (profissão: estudante). ;)

HUGO SANTOS disse...

É verdade ou não, que são os próprios Médicos-dentistas,os primeiros a não dar importância às doenças periodontais?? Compreendo que assim seja até por questões culturais e epidemiológicas da nossa população.
Uma maioria dos doentes ocorrem ao consultório em fase aguda, com dor.
Enquanto o estímulo recebido pelo médico for para remover a dor as doenças das gengivas estão para ficar...

Cristina Pereira disse...

Realmente é um tema muito interessante. E a minha opinião é de que sendo uma área da saúde dispendiosa. É que como titular de um seguro de saúde tenho a dizer que vergonhosamente em Portugal, as companhias de seguro dizem ser um luxo ir ao dentista. Pago muito bem para ter o seguro de saúde, e a cobertura de estomatologia é uma autentica miséria. É muito triste ninguem fazer nada acerca disto.

lady_blogger disse...

Olá Fernanda!

Nem de propósito...! Fui esta manhã ao dentista. Como sou apologista de poupança do orçamento familiar(possuindo até um blog sobre como poupar que é o euronios@blogspot.com) resolvi fazer o check-up num serviço com acordo com o meu Centro de Saúde, o que reduz em muito os custos das ointervenções, e quem por qualquer motivo for isento das taxas moderadoras nem sequer paga essas consultas. O problema destes serviços é que não são imediatos, pois pode ter de esperar meses por uma consulta.
Durante os anos de Faculdade, aproveitei o facto de poder ser assistida nos Serviços Médicos da Universidade.
E como referiu o Pedro Carlos, de facto há grupos de estagiários nas diversas Faculdades de Medicina Dentária que prestam serviços que são ou gratuitos ou mais em conta.
Para as crianças é aconselhável as idas aos higienistas orais, que nos Centros de saúde são gratuitas.

Quanto a mim, deve-se é prevenir doenças orais, praticando uma regular e eficaz higiene oral, e desta forma não terá tantas despesas com estomatologistas.
No entanto faça se possível uma "revisão geral" de 6 em e meses, também por uma questão de prevenção. Evite o consumo excessivo de doces, o tabaco, e lave sempre os dentes após a ingestão das refeições.

Quanto à Maria, acho inadiável as idas ao dentista no seu caso. O meu marido adiou ir e acabou por criar infecção no dente do siso. Tinha alguns dentes com raízes quase que entrelaçadas e que impediram o crescimento normal do dente do siso. Teve de ser sujeito a intervenções cirurgicas no Hospital da Universidade de Coimbra para extracção desses dentes de grandes raízes. A médica que o operou disse-lhe que cada extracção num seu consultório custar-nos-ia mais de 1000 euros dada a dificuldade que teve. Uma Vital Dent do país fez-lhe um RX e recusou-se a extrair-lhe os dentes.
Não tem tido razão de queixa dessas operações e saiu-lhe a custo zero.

Como podem ver há locais onde se pode ser bem servido sem pagar ou a custo justo.

Maria Mendes

D.M disse...

Com 14 anos coloquei aparelho, devido a uma certa pressão que eu e a minha irmã realizamos,para que a minha mãe não olha-se só para o custo do mesmo mas também olha-se para a minha saúde.
é verdade que eu presizava, mas para além do custo do aparelho, todos os meses em que ia "renovar", por assim dizer, tinha de pagar 50€.
Agora com 17 a minha mãe reconhece que fiz bem estar sempre a alertar-lhe, apesar de certas dificuldades. Mas, apesar de ser pior em adulto, com estes custos (e também devido as mentalidades) há mães de colegas meus q dizem para os filhos colocarem quando forem mais velhos. Com isto não ademira q haja muita gente a "fugir" dos dentistas.

Maria disse...

“Anónimo disse...
A mensagem que se está a passar de que a saúde oral é muito cara, não é a mais correcta. Como a convidada médica dentista referiu, o ser caro é relativo. A saúde oral é posta de parte de um modo gritante.
É muito importante que as pessoas percebam a importancia da saude da boca.
O que é facto é que as pessoas preferem por ex. dar roupas de marca aos filhos do que proporcionar-lhes uma boa saude oral!
14:42”


Como é óbvio, nem todos têm a possibilidade de dar roupas de marca aos filhos, tal como outras coisas caras, porque se não têm dinheiro para uma coisa, também não têm para outra.
As consultas a um dentista são realmente muito caras, senão vejamos, uma consulta de especialidade nos centros de saúde público são 2€ e tal e uma consulta de dentista é cerca de 50€, agora não me diga que a diferença não é importante.

João Torres disse...

Felizmente tive a oportunidade de na minha infância os meus pais poderem pagar o dentista. Agora tenho 30 anos e segundo o meu dentista tenho uma dentadura excelente.

Talvez divido aos cuidados prematuros que tive a sorte de ter, só preciso de ir a o dentista uma vez por ano (consulta de rotina)e problemas com os dentes FELIZMENTE é coisa que não tenho nem nunca o tive de uma forma dolorosa e séria.

Continuo a achar mesmo assim, que ir ao Dentista em Portugal, para a grande maioria das pessoas é uma despesa que se torna quase incomportável!!! A culpa disto tudo, é de um sistema de saúde ATRASADO que temos, que não é igual para todos!

Anónimo disse...

OPS! AFINAL A VOSSA CONVIADA É PEDIATRA! Tinha entendido k era dentista...fica sem efeito o comentario qt à bulimia Ass: psicologo

ANTONIO disse...

Porque é que, Sr. D. Fernanda, se faz um silencio confrangedor, quando se fala de preços praticados, pelos profissionais do sector de medicina dentaria??
A. Silva

pedrocarlos disse...

Caro Tiago, as caries sempre existiram e os primatas tambem as tem, principalmente os chimpazes, a diferenca esta na incidencia.
Ao longo da historia houveram altos e baixos mas, certamentee nunca houveram tantas caries como em tempos modernos.

Veja esta pagina da Universidade do Illinois:

11.1 EPIDEMIOLOGY OF DENTAL DISEASE
http://www.uic.edu/classes/osci/osci590/11_1Epidemiology.htm

Cumprimentos,
Pedro Alves

Maria disse...

Há perguntas que faço de propósito para esclarecer pessoas que eventualmente não saibam e não propriamente uma dúvida pessoal.

Quanto tempo, aproximadamente, deve durar uma escovagem dos dentes?
Há escovas, fios-dentais ou elixires ideais?

Tiago disse...

Mais um aparte: eu gostei do confronto do ferrador de cavalos com esse livro :)

Maria disse...

Que cuidados se devem ter com as placas dentárias?

Anónimo disse...

Infelizmente estiticamente os meus dentes nao sao muito bonitos. A minha maior tristeza é nao poder sorrir a vontade por ter os dentes da frente com muitas restaurações. Ja corrigi alguns problemas com aparelho fixo mas continuo com o problema dos dentes nao serem bonitos. Pedi um orçamento num dentista e os custos sao enormes.
Preciso de colocar 2 implantes de um molar e um pré-molar. sao 3000€ e colocar coroas nos dentes de cima que sao os que tem muitas restauraçoes, mais 2000€. Ou seja um custo de 5000€ no total. O preço que me estao a pedir será correcto? Vania

ANTONIO disse...

Relativo, é ganharpouco mais que o ordenado minimo e ter que pagar 40 ou 50€ por uma consulta. E pior que isso e nao haver dentistas no S.N.S., qual sera a prioridade de uns pais e a comida na mesa dos filhos ou uma consulta no dentista, partindo do principio que culturalmente a saude oral é menos importante que as outras especialidades medicas???
A. Silva

pedrocarlos disse...

Desculpem a minha insistncia mas poderiam responder as questoes que eu referi?
E que nao e costume as pessoas ouvirem essas respostas.
Eu posso encontra-las mas estou a pensar em quem no pode.

ATENCAO AO SC:
A EMISSAO NA INTERNET FOI SUBSTITUIDA POR MUSICA!
Agradecia que retomassem a emissao online.

Pedro Alves

Anónimo disse...

No 1ºano de vida pelo menos, o meu filho e já lá vão 25 anos, tomou sempre um comprimido (pequenino) de Zymafluor?!
tem consequências negativas?
Obrigada pelo programa
Manuela

Maria disse...

As pastas 2 em 1, branqueadoras e com outros benefícios, são reais e realmente benéficas ou são apenas uma técnica de marketing?

Anónimo disse...

Em pequena tomei fluor.Quando a dentição definitiva nasceu, cresceu com duas manchas brancas nos dentes. Será por causa do fluor?o que posso fazer, nao gosto muito de ter duas "bolinhas" brancas nos dentes...

Obrigada.
Rute.

Nuno Santos disse...

Quando a 1ª visita das crianças a um dentista? Quanto tiver a dentição toda?

lady_blogger disse...

As imagens que há minutos passaram estilo antes e depois, de uma senhora de 30 e tal anos, sem dentes e com dentes, não me convenceram. Digo isso porque na imagem do antes a referida senhora aparece com a boca fechada e com franja e cabelo sem grande arranjo, e na imagem do depois já surge com a boca aberta a sorrir para mostrar os dentes e houve a preocupação de um penteado liso mais cuidado.
Será que era a mesma senhora? Ou será que ter novos dentes trás como acréscimo um cabelo bem penteado?
Lembrou-me logo as televendas.

Maria Mendes

Anónimo disse...

Gostava de consultar um médico dentista para ficar com um sorriso mais bonito. Alguma clinica em particular que recomendam? Gostava de consultar alguém capaz e competente.

Anónimo disse...

fluor faz mal à saúde.

e dá para confiar nas pastas de dentes comuns nos supermercados? isso é mentira. essas pastas estão cheias de quimicos alguns provocam graves problemas de saude.

as melhores pastas de dentes são as 100% naturais à base de plantas e argila. limpam bem os dentes e não provocam quaisquer problemas de saúde.

pedrocarlos disse...

Ainda por cima a musica e deveras horrorosa, para o meu gosto!
Nao ha maneira de retomar a emissao?!
Ou estarei a ouvir a musica que o 1 ministro esta a dar aos portugueses?

E pena, pois gostaria de ouvir - so tenho som - o resto do programa.

Esperemos que amanha se possa ouvir tudo.

Cumprimentos
Pedro Alves

Anónimo disse...

O que fazer quando se tem dentes amarelados? E com manchas brancas? Será falta de alguma coisa?

Anónimo disse...

Olá Gostaria de saber porque demora tanto tempo uma desvitalização, visto que na última vez que fui ao dentista 4 vezes para desvitalizar o mesmo dente, paguei cerca de 70€ por cada consulta num prazo de um mês. Ana Pinto

kikky disse...

Tenho um filho de 2 anos e desde sempre que lhe lavo os dentes com uma pasta "Chicco", mas já tive conhecimento que esta pasta não contem o fluor adequado! Gostaria de saber qual a pasta dentifrica correcta.
obrigada
Sandra V.

ANTONIO disse...

Meus senhores aprendam a técnica com os canais de venda em directo.

Anónimo disse...

Falaram do uso do flúor para as crianças. Relativamente aos adolescentes e adultos, o que pensam das "máscaras" de flúor aconselhadas por alguns especialistas?

Anónimo disse...

uma desvitilização dura 2 a 3 consultas no máximo. mais do que isso revela incompetencia ou mais provavelmente uma burla.


flur faz mal à saúde das pessoas, esta foi introduzida há muitos anos por força das industrias que a produzem e não por fazer bem.

pedrocarlos disse...

Um anonimo, ou nem tanto, escreveu que o "Fluor faz mal a saude"!

Mais uma vez, se leem perigosas afirmacoes anticientificas, de quem nao sabe do que escreve.

O FLUOR FAZ PARTE DO ESMALTE DENTARIO!

A questao e saber se o Fluor deve ser ou nao adicionado na agua canalizada.
E muito provavelmente nao deve.
Uma coisa e a aplicacao topica do Fluor nos dentes;
outra e a sua ingestao em quantidades acima das encontradas na Natureza.

Nao sei se e possivel aceder a um artigo cientifico a partir de Portugal mas aqui deixo as referencias.
O artigo, publicado no Journal of
Materials Chemistry, trata dos minerais dos dentes e refere a presenca do Fluor nos mesmos.

Titulo do artigo:
"Dental enamel—a biological ceramic: regular substructures in
enamel hydroxyapatite crystals revealed by atomic force microscopy"

Citacoes:
"Calcium hydroxyapatite is the primary mineral component of all mammalian skeletal and dental tissues, i.e. bone, dentine, cementum and enamel."

"Dental enamel has attracted considerable interest in this respect, largely due to its high mineral/apatite content — 97% by weight and 85% by volume — and its extremely high degree of architectural organization at both microscopic and nanoscopic levels."

"While the chemistry of enamel is heterogeneous, variations in
composition are systematic and are related to both developmental stage and location within the tissue.
Substituents in the mineral phase, such as carbonate, fluoride, and magnesium, are preferentially taken up at both early and late developmental stages while mature tissue reveals distributions of substituents related to the proximity of the outer tissue surfaces."

http://www.rsc.org/ej/JM/2004/b401154f.pdf

As pessoas tem de meter na cabeca, duma vez por todas, que se nao sabem ciencia nao devem comentar levando os outros ao engano.

Pedro Alves

Anónimo disse...

Estudos cientificos que demonstram os perigos do uso do fluor, como cancro, osteoporose, problemas cerebrais e outros:

http://www.fluoridealert.org

http://www.nofluoride.com/scientific_studies.htm

http://www.alternet.org/environment/55161/

http://www.ecomall.com/greenshopping/fluoride.htm



Se o fluor colocado na água faz mal também faz nas pastas de dentes.

pedrocarlos disse...

Ha aqui um anonimo que insiste em brincar com a ciencia e com as pessoas!
Eu nao queria escrever isto mas tem de ser:
parece-me que essa pessoa esta a ir longe demais e que o SC deveria intervir.

Eu acho muito bem que as pessoas tenham a liberdade de exprimir opinioes, especialmente se forem divergentes para criar debate!
Ate podem estar a dar informacoes interessantes - e neste caso do Fluor ate poderia haver uma mais valia...
Mas, infelizmente, o que este anonimo faz nao e isso!
Ele afirma, taxativamente, que as coisas sao como ele acredita que sao e que a Ciencia esta do lado dele, quando nem tem formacao cientifica para o fazer.
Limitando-se a reproduzir coisas que apanha na Internet que encaixem nas ideias dele.

Agora vai buscar enderecos de organizacoes anti-fluor para demonstrar o que diz!
Assim qualquer um demonstra seja o que for!

Eu referi um artigo dum jornal cientifico completamente alheio a questao do Fluor ser bom ou mau.
A isto chama-se isencao!

Mas o mais curioso e que esses sitios, apesar de defenderem uma posicao particular - legitima, reconheco - nao defendem aquilo que o anonimo diz!

Vejamos o sitio http://www.nofluoride.com/index.html

Este sitio e contra a fluorinacao da agua canalizada e avisa contra o excesso do consumo de Fluor.

Ora, esses objectivos nobres, e uteis, sao muito diferentes da afirmacao bombastica do sr. anonimo:

"Se o fluor colocado na água faz mal também faz nas pastas de dentes."

Mas onde e que isso foi provado?!

Este sitio tem artigos disponiveis e este e muito interessante - apesar de nao poder ser classificado como cientifico, mas tem a vantagem de ter sido publicado na "Chemical & Engineering News", Aug.1, 1988:

http://www.nofluoride.com/Chemical_%26_Engr_News.htm

"Fluoridation of Water"

Eis os excertos iniciais do ponto
"Benefits: a changing assessment"

"Originally, it was thought that the fluoride ion prevented tooth decay solely by being incorporated in tooth enamel as the teeth formed in childhood. Fluoride ingested in water or food is absorbed into the bloodstream. Part of it is excreted and the remainder is deposited in the bones and teeth. The proportion of fluoroapatite in the hydroxyapatite of developing tooth enamel is then increased:

Ca10(PO4)6(OH)2 + 2F- -> Ca10(PO4)6F2 + 2OH-

Fluoroapatite is less easily dissolved by mouth acids than hydroxyapatite and therefore more resistant to decay.

But today dental researchers believe two other mechanisms are just as important or more so. A number of factors, including fluoride ion, influence a constant exchange of ions across tooth surfaces. Bacteria in the mouth convert sugar to acids, which cause demineralization of tooth surfaces. Demineralization and remineralization take place constantly on the surface. When the pH of the surface drops, calcium and phosphate ions pass from the enamel into the plaque, but if the pH becomes neutral, these ions may redeposit themselves into the enamel. Fluoride ions in the plaque inhibit the bacterial conversion of sugar to acids and thereby help maintain higher pH levels, allowing remineralization to occur. Therefore, the fluoride ions in saliva and plaque may be just as important in preventing tooth decay as the ions in blood-and perhaps just as easily provided by toothpaste as water.

A third mechanism by which fluoride may prevent decay involves incorporation of fluoride into the remineralizing enamel surface, making it more resistant to decay."

Estes excertos mostram claramente a importancia do Fluor!

Mas o artigo levanta - e bem - questoes sobre a utilidade da flourinacao da agua canalizada.

Como qualquer coisa, demasiado Fluor faz mal!
Se for ingerido pior ainda!
Mas as pastas dentifricas nao sao para comer!

Este sitio faz referencia ao artigo cientifico de Guan et al.:
"Influence of Chronic Fluorosis on Membrane Lipids in Rat Brain"

A equipa do professor Guan estudou o efeito da ingestao excessiva de Fluor em ratazanas.

No capitulo final do artigo - a discussao - eles escreveram o seguite:

DISCUSSION
"Fluoride is an essential trace element but the beneficial range is so narrow that health may be influenced adversely if excessive fluoride is supplied. In this investigation rats were treated 7 months with 30 and 100 ppm fluoride in drinking water to study the effects of chronic fluorosis on brain membrane lipids. The increased amounts of fluoride detected in the urine and brain from these animals indicate that this ion accumulates in the body, including the brain. The specific dental lesions confirmed that the animals suffered from chronic fluoride intoxication."

Ou seja, e dito, explicitamente, que o Fluor e essencial, embora em quantidades vestigiais.

Caros leitores, nao se deixem levar por pessoas que escrevem o que nao sabem!

Sao burloes!

E como todos os burloes, algumas coisas que afirmam tem de ser verdades - senao nao enganavam quem quer que fosse - mas estao de tal maneira misturadas com as aldrabices que quem nao tem preparacao para isso dificilmente as distingue.

Neste caso:
e verdade que o consumo ou ingestao excessivos de Fluor fazem mal - e como tudo;
a utilidade da fluorinacao da agua levanta duvidas a mais - mesmo se a concentracao for reduzida - justificando que isso nao seja feito;
MAS O FLUOR E ESSENCIAL A BOA SAUDE DENTARIA!

Mas se quereis lavar os dentes com argila, como sugerido pelo "anonimo", ficai sabendo que ela e rica em ALUMINIO!

O ALUMINIO NAO TEM QUALQUER FUNCAO NO CORPO HUMANO!
E UMA NEUROTOXINA INDUTORA DE DEMENCIA, ALEM DE SER CANCERIGENO!

O "anonimo" nao ha maneira de perceber que ser natural nao significa inocuo!
O que nao faltam sao venenos naturais...
Mas ele nao sabe...

Pedro Alves

Anónimo disse...

oh pedro, você realmente tem sempre a arrogancia à flor da pele para além do mais farta-se de por palavras na boca dos outros.

nao parece que alguém tenha dito que toda e qualquer quantidade de fluor mesmo que em microns, pode fazer mal, mas mesmo em quantidades pequenas claro que faz mal, pois sem falar na água as quantidades presentes nos produtos com fluor são muito altas.
as pessoas podem viver sem esse tipo de produtos preparados de proposito, que só são comercializados há algumas décadas.

Antigamente não se tomava nenhum desses produtos cheios de porcarias de quimicos sintéticos com fluor adicionado e as pessoas tinham boa saúde. porque será?

o que lhe sugiro, é estudar a história do porque o aparecimento do fluor nesses produtos.

e pedro, tome um comprimido para a arrogancia que só lhe faz bem.

pedrocarlos disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Manuel disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
pedrocarlos disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.