sexta-feira, julho 18

Porque é que a astrologia não é uma ciência.

Há alguns séculos houve um momento em que a Astrologia e a Astronomia se confundiam e confluíam lado a lado. Astrónomos das cortes da Mesopotâmia tinham de fazer a leitura dos astros, analisar os movimentos dos planetas e com este saber eram obrigados a fazer as previsões das guerras e dos maus presságios que se adivinhavam.
Hoje acredita-se na astronomia com base na evidência científica. Mas em que é que se baseia a astrologia para lhe ser atribuída credibilidade?
É senso comum dizer que se deve cortar o cabelo na lua crescente ou que nascem mais bebés em lua cheia. Afinal há alguma influência dos astros nas nossas vidas?
Os melhores especialistas e as explicações mais rigorosas, é o que se prevê para este SC.

Convidados:
Paulo Cardoso, Astrólogo
Rui Agostinho, Astrónomo e Director Observatório Astronómico de Lisboa
José Palma de Oliveira, Psicólogo

57 comentários:

jose gomes disse...

“PORQUE É QUE A ASTROLOGIA NÃO É UMA CIÊNCIA.”
ASTROLOGIA : CIÊNCIA OU NÃO CIÊNCIA É UMA QUESTÃO DE CONCEITO/ DEFINIÇÃO.
UM DIA SERÁ CONSIDERADA CIÊNCIA DE PRIMEIRA OPÇÃO, QUANDO SE ENTENDER A IMPORTÂNCIA DE DISCIPLINAS COMO RADIESTESIA.
TODOS ENTENDEMOS A RELAÇÃO DE PRESSÃO ATMOSFÉRICA-TROVOADA-OZONO E AS ALTERAÇÕES DE COMPORTAMENTO DOS SERES VIVOS COM TAIS VARIAÇÕES.
UM DIA ENTENDEREMOS QUE TODA A EXISTÊNCIA É ENERGIA + MOVIMENTO.
UM DIA ENTENDEREMOS A FUNÇÃO DO MAGNETISIMO EM TODA A EXISTÊNCIA DO UNIVERSO.
ESTAMOS AINDA NA PRÉ-INFÂNCIA DO FUTURO.
.um abraço a todos os que procuram a verdade e a todos os que não querem saber dela
.jose gomes
equilibriosg@hotmail.com

lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Celeste Almeida disse...

A astrologia não é uma ciência, pois não cria novas tecnologias, não ajuda na cura, não nos dá justificações credíveis.
Até eu poderia ser astróloga, mas prefiro de longe a ciência à superstição, até porque não tenho muito jeito para vender ilusões.
A astrologia não é uma ciência, porque observa, regista, elabora
hipóteses, mas não as testa.

Rax disse...

É mesmo verdade que os gémeos conseguem ser muito diferentes.
O meu mano e eu nascidos com poucos segundos de diferença temso personalidades bem diferentes.
Exemplo disso é que eu trabalho na área da comunicação e ele está em geologia.
Tivemos a mesma educação, a maioria dos nossos professores foram os mesmos e sempre tivemos amigos em comum.
Será possível que 10 ou 15 segundos de diferença no nascimento sejam tão importantes para definir a nossa personalidade?

Ass: Raquel

Ahhhhh e também somos caranguejos

lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lady_blogger disse...

Quem melhor que os agricultores para nos responder à questão aqui hoje colocada?!

CC

Maria Mendes

lady_blogger disse...

Eu sou carneiro, e isso nota-se logo.
O que é que os presentes dizem acerca de laços de amor entre uma carneiro e um virgem, e de laços de família entre uma carneiro e uma leão?


CC

Maria Mendes

Del_Cimetrado disse...

Sem duvida que os astros influenciam na nossa vida. Cientificamente é impossível isolar um acontecimento no espaço. O que eu não acredito aqui é que haja alguém, ou mesmo um método que consiga interpretar/descobrir essas influencias.

A astrologia não é uma ciência, exactamente porque todos, excepto o Paulo Cardoso, usaram ciência para explicar a sua posição, enquanto que o Paulo nada mais pode dizer que basear-se numa experiência pessoal. (muito pouco cientifico).

Sérgio Barbosa

lady_blogger disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lady_blogger disse...

Segundo o Rui Veloso, os astrólogos ficaram sem objecto de estudo, pois ele canta que "não há estrelas no céu".

CC

Maria Mendes

Paulinha disse...

Boa tarde
Não respondi ao questionário do blog porque nenhuma das opções me satisfez por completo. Sim, é verdade que o comportamente de terceiros pode influenciar a forma como lidamos com a rotina, mas... Não será um problema nosso? Quando acordamos bem dispostos não há quase nada que nos influencie, Porém, quando algo corre mal por mero azar o resto do mundo parece estar contra nós e tudo é motivo para nos chatearmos. E de onde vem este estado de espírito? Dos astros? Da ciência?
Acho que permanece uma incógnita. Teremos mesmo necessidade de compreender tudo o que se passa á nossa volta?
Acho que é uma questão psicológica. Para quem acredita, tudo faz sentido. Para os mais dogmáticos existe ainda muito para explicar.

Parabéns ao programa, sempre com temas inovadores.
Paula Torrão

França disse...

Boa tarde.

Eu, Mira França, creio nos meus antepassados que diziam que em tempo de lua cheia, ao cortar o cabelo, este cresce mais saudável e forte. E hoje dia 19, é lua cheia e eu já cortei o meu cabelo, para crescer mais forte e saudável.

França disse...

Boa tarde.

Eu, Mira França, creio nos meus antepassados que diziam que em tempo de lua cheia, ao cortar o cabelo, este cresce mais saudável e forte. E hoje dia 19, é lua cheia e eu já cortei o meu cabelo, para crescer mais forte e saudável.


Mira França

lady_blogger disse...

Para o rax:

Eu conheço 2 gémeas que depois de ambas se licenciarem em Biologia pela mesma universidade e com notas igualmente brilhantes, só diferem nos objectivos de constituição de nova família e apesar de muito parecidas é possível distingui-las. Estas irmãs de sobrenome Marchante, são o exemplo da grande união que se verifica entre gémeos.

CC

Maria Mendes

Tecnologia disse...

Na verdade a astrologia não é mais de que uma forma universal(=universo) de nos deixarmos influenciar por meios metafísicos não presenciais. Uma forma de nos pudêrmos "queixar" de um bom ou mau dia, claro está, influenciado pelos astros.
Não é, talvez uma ciência, devido ao seu carácter, embora "influenciador", não constructor de um conhecimento.

Eu, pessoalmente, embora leve os meus olhos a dar "uma de leve" nos jornais ou revistas diários/semanais, no seu devido capítulo de astrologia, não deixo que a mesma influencie o decorrer do meu dia.

Fernando disse...

Vou dar um exemplo parecido com o comentario ja aqui feito que refere o facto do corte de cabelo na lua cheia o faz crescer mais saudavel....

O que é verdade por exemplo quando compramos mexilhao e o fazemos numa noite de lua quarto minguante o mexilhao fica muito pequeno e se o fizermos numa lua de quarto crescente essa situaçao nao se verifica... ficando o mexilhao bem grande...


Dai acreditar que os astros têm influencia sobre as nossas vidas..

olá disse...

Bons astrologos são muito poucos.
Eles existiram entre grandes nomes na historia.As estrelas não «reservam» eles mostram as possibilidades. Enfim, esta tudo por tua conta.

ct2htm disse...

Viva

Para mim Astrologia = Charlatanisse

Desculpem a franqueza mas, na minha opinião, há temas bem mais importantes para debater no país do que este...

lady_blogger disse...

No meu blog 1001dicas refiro precisamente algumas das melhores alturas para cortar o cabelo.

CC

Maria Mendes

Albert disse...

Já que falaram de signos, e estando aí um distinto astrólogo, talvez ele possa explicar às massas ignaras como é que se sabe o signo de uma pessoa, e depois pode pedir-se ao verdadeiro cientista para explicar o que é a precessão dos equinócios e porque é que isso explica que a astrologia não só não é ciência como é um embuste total.

paulodf disse...

A astrologia é uma farsa! Porque? É simples a astrologia é baseada nas cartas astrais de há 3000 anos atrás! Acontece que as cartas do presente são diferentes, logo mesmo que os astros influenciassem, as cartas astrais da Astrologia estão simplesmente ultrapassadas, não tem qualquer tipo de valor!

Não sou eu que o digo, sim os astronomos, esses sim verdadeiros cientistas, não vendedores da banha da cobra!

lady_blogger disse...

Porque é que por vezes se funde e/ou confunde a profissão de astrólogo com vidente e tarólogo?

CC

Maria Mendes

AG disse...

1- 18 de Julho : Destak de hoje, horóscopo pela astróloga Maria Helena:

TOURO:
Amor: Não deixe que as más línguas o influenciem, confie mais na pessoa que está consigo!
Saúde: Tenha cuidado com as CORRENTES DE AR! ( ??!! )
Dinheiro: Seja cauteloso com os gastos. Seja o seu melhor amigo.
---

2- 18 de Julho : Terra.com
(Outro conteúdo diferente...)

---

Porque é que os horóscopos diários alteram consoante os astrólogos?

Os astros não são os mesmos?

Portanto...é um DOM de alguém que difere de astrólogo em astrólogo ?

---
Ana G.

lady_blogger disse...

Que entidades acreditam e licenciam a actividade destes profissionais?

CC

Maria Mendes

Ana EyeSor3 disse...

A astrologia não cumpre a metodologia necessária para ser considerada uma ciência. A astrologia não é mais do que uma das inúmeras muletas de que o Ser Humano se socorre para justificar comportamentos e acontecimentos de que não quer assumir responsabilidade e/ou não consegue explicar.
Como estudante de psicologia a astrologia relança o debate biológico vs. aprendido (nature vs. nurture).

A minha questão:
Até que ponto saber o futuro não influencia o comportamento que vamos manifestar?

Phliter disse...

Boa tarde,

Eu, embora crente na astrologia, tenho algumas dificuldades em me poder levar por previsões e todos os outros dados. Nasci num dia de transição de Gémeos para Caranguejo e, várias fontes, já me disseram que conforme o ano sou de um signo ou do outro, conforme a hora tenho aspectos diferentes. Mas na verdade, mesmo já tido lido o livro apresentado, não me encaixo em nenhum dos signos. Tenho muita curiosidade por esta área, mas não posso dizer que as vivências a possam comprovar.

Sowelu disse...

Boa tarde.
Parabéns pelo Programa.
Lamento a superficialidade com que está a ser tratado o tema. Deviam ter sido convidados outros astrólogos tão bons como o Paulo Cardoso para um maior confronto de ideias.
Para estas e outras questões sobre a Astrologia podem consultar o seguinte link http://www.astrologia-tradicional.com/content/category/3/18/123/

Tenho a certeza que os autores não se vão importar de esclarecer eventuais dúvidas.

Qui habet aures audiendi audiat

PEDRO DE CASTRO disse...

Boa tarde,
Este tema é muito curioso. Ainda à dias ouvi um astrófísico dizer que olhar para o cosmos é como uma máquina do tempo pois o que vemos hoje apartir da terra aconteceu à milhões de anos. Neste sentido, não sei até que ponto as constelações influenciaram, mas de algum modo acredito que as partículas de que somos feitos são parte do cosmos e como tal interagem e são influenciadas por ele. Ao nível da astrologia como a encaramos, concordo que por vezes existem muito pontos em contacto com a personalidade de cada um. No meu caso que sou Balança com ascendente em Balança, sinto uma grande correspondência com a leitura que fazem do meu mapa astral. Gostaria de perguntar ao astrologo Paulo Cardoso se ser Balança com ascendente em Balança, astrologicamente é "fatidico" pois já ouvi comentários nesse sentido.

Ecovia do Algarve disse...

OS ASTRÓLOGOS BASEIAM-SE NA CHARLATANICE PARA FICAREM RICOS.
HÁ UMA PERGUNTA QUE NENHUM ASTRÓLOGO SABE RESPONDER:"PORQUE É QUE DUAS PESSOAS QUE NASCEM HÁ MESMA HORA, SÓ QUE NUMA PARTE DO MUNDO É UM DIA, E NA OUTRA PARTE JÁ É OUTRO DIA, OS ASTROS SÃO OS MESMOS A INFLUENCIAR, MAS PERTENCEM A SIGNOS DIFERENTES, PORQUE NASCERAM NO DIA DE TRANSIÇÃO DO SIGNO, VÃO FICAR COM MAPAS ASTRAIS DIFERENTES, FUTUROS DIFERENTES E POR AÍ FORA...? SERÁ ISTO CIÊNCIA OU CRENDICE SEM FUNDAMENTO?
UM ABRAÇO PARA TODOS DE JOSÉ RIBEIRO DE OLHÃO

lady_blogger disse...

Sowelu, eu estudei latim e percebi a sua frase, mas não entendi o contexto.
Você disse que quem tiver ouvidos para ouvir, ouça. Mas isso digirige-se a quem?

CC

Maria Mendes

miguel msio disse...

ola sou o rui tenho 27 anos e credito numa coisa, que para mim tudo tem haver com tudo se algo aqui se movimenta ou se mexe de sitio algo bem la no universo se mexe e movimenta também e vice-versa tudo se esta ajustando constantemente em hamonia e iquilibrio.

lady_blogger disse...

Como se traça um mapa astral daqueles que nem têm dia para festejar o aniversário? Refiro-me aos que só festejam de 4 em 4 anos porque nasceram a 29 de Fevereiro.

CC

Maria Mendes

Nayakatir disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
PEDRO DE CASTRO disse...

não será igualmente importante na astrologia as constelações na altura da concepção? Não será até mais importante do que a data de nascimento?

Ricardo disse...

Astrologia não é uma ciência! Tal como a religião a astrologia é uma escapatória do mundo real, é uma maneira das pessoas não se sentirem responsáveis por aquilo que fazem e pelos frutos dos seus actos. É muito mais facil viver responsabilizando terceiros pelas coisas más que acontecem do que pensar que elas são frutos dos nossos próprios actos e da interacção obrigatória com terceiros. Apenas a nossa própria vida e vontade influenciam o nosso dia a dia, conjuntamente com os que nos rodeiam directa/indirectamente. Na minha opinião existe apenas uma lei de acção reacção que gere a sociedade.

miguel msio disse...

Nao encontro razoes que as consiga identificar de tanto azar em vida como nos ulimos tempos sou Touro 21/05/1981 nasci as 05h30. Podem me ver ai apenas muito sinteticamente se assim se pode falar, que se passa comigo...??

ASS: MIGUEL MAIO 27 Anos

Ana Andrade disse...

Para ser uma ciência a Astrologia teria de seguir o método científico!
Obvio que no universo tudo está relacionado, agora saber de que maneira...
Penso que a polémica reside em que os astrólogos assumem as relações entre os planetas como implicitas, não se preocupando com a sua justificação científica!
A meu ver todos os astrólogos carecem de noções básicas de Física, pelo menos para não se contradizerem com a ciência!

Violet disse...

Existem astrologos bem melhor preparados - embora menos mediáticos - para defender este tema, tenho pena de não ver a Astrologia melhor representada.

Astrologos que fazem previsões baseados apenas no signo solar não estao a fazer astrologia.
Enfim, gostava de ter visto isto melhor debatido.

Carlos disse...

1º Qual a diferença entre um astrólogo e um astrónomo?

Um astrólogo chumbou nas provas de aferição de matemática e o astrónomo não.

2º Acho que o petróleo tem mais influência (positiva e negativa) sobre os seres humanos do que a Lua e o Sol.

Carlos Sebastião

MIIG disse...

É, o sr. Paulo Cardoso sabe mesmo como vai ser a minha vida. Há tipos que andam sobre a água. Há tipos que morrem e depois ressuscitam. Há um alemão velhinho que é a nossa ligação directa com um ser supremo que decide do alto dos céus os nossos destinos.
Há gajos que olham para as estrelas e sabem que amanhã não é um bom dia pa pedir á Maria pa fazer aquela depilação Brasileira. Mas porque que as pessoas preferem acreditar que vivemos no Senhor dos Anéis?

Navegador Mensal disse...

Parabéns pelo programa.
Para começar os astrólogos precisam de fazer uma actualização na base de dados, visto estarem a utilizar dados com uns 2000 anos.
O signo é considerado pela posição do sol no céu.. por exemplo a 9 de Julho, o sol está em Gémeos e não em Caranguejo... devido à precessão dos equinócios as constelações vão se alterando ao longo do tempo... e já agora são 13 as constelações que o sol passa num ano e não 12.

Rogério

Violet disse...

Carlos, a lua e o sol afectam a nível pessoal. Assuntos como a crise do petroleo estao reflectidas nos planetas transpessoais, neste caso uma quadratura de urano a plutão que dura até 2012.

Sowelu disse...

A Astrologia é uma ciência ou não?
"Sim e não. Depende do que se entende por “ciência”.
Se tomarmos a palavra pelo seu sentido etimológico – scientia, conhecimento, sabedoria, saber – a resposta será sim. É, de facto, uma “scientia”, um saber, um corpo de conhecimentos complexo e coerente, com regras e leis próprias.

Mas se pensarmos em ciência no sentido “institucional” que actualmente se dá ao termo, a resposta será não, pois a sua metodologia difere da usada nas ciências “clássicas”, como a Matemática ou a Química, por exemplo.

A natureza da Astrologia é única, pois liga dados e cálculos muito exactos (de carácter astronómico) à vertente de interpretação simbólica. Estas características únicas tornam difícil qualificá-la enquanto corpo de conhecimento. Alguns afirmam que é uma ciência no sentido acima explicado), enquanto outros dizem ser uma Arte.

A Astrologia não é, nem tem de ser, uma ciência, da mesma forma que a Música ou a Mitologia não são ciências, nem têm de sê-lo. E contudo, todas são saberes, conhecimentos, sabedorias que aportam importantes contributos ao legado cultural da Humanidade.

O conhecimento astrológico surgiu numa época anterior à própria ciência e faz parte do vasto corpo de conhecimentos de onde surgiram muitos dos actuais ramos científicos (por exemplo: a Astronomia, a Trigonometria e a Cartografia). Este pensamento segue regras coerentes, dotadas de uma dinâmica próprias e que, ao mesmo tempo, são independentes do pensamento causal e linear.

Aliás, a “ciência”, no sentido institucional, parece ser (pelo menos para a opinião pública menos erudita), o único critério de validação das coisas. A Astrologia rege-se pelos seus princípios e tem a sua lógica e coerência próprias, pelo que não precisa de ser “aprovada” pela ciência oficial para ser considerada legítima e séria. Isto, contudo, não implica falta de coerência ou de clareza, nem deve dar azo a aproveitamentos oportunistas por parte de indivíduos sem preparação astrológica."

in: http://www.astrologia-tradicional.com/content/view/89/123/

Del_Cimetrado disse...

Durante todo o programa o Rui e o José tentaram defender a ciência versus a astrologia, e no entanto o paulo anda mais fez que se movimentar dentro da astrologia.

Já percebemos que não quer convencer ninguem, mas então, se não está aberto para a discução, a astrologia não deixa de ser um dogma, uma religião.

lady_blogger disse...

Diga o Paulo Cardoso o que pensa do Prof. Bambo.

CC

Maria Mendes

akaibloog disse...

Boa Tarde.
OS físicos dizem que somos feitos de estrelas, somos parte de um todo , mas ainda há muita crendice etc.Sim talvez um dia a astrologia seja considerada uma ciência onde os astrólogos serao ,formados com certificados,etc, e poderam interagir com outras areas (seja na medicina ,etc)

Um bom dia para todos e abraço.
Parabens pelo programa

Nuno

paulo disse...

porque a astrologia não é uma ciencia??Bem para comecar é um reflexo do passado , em que servia para adivinhar os caminhos dos povos que era usado por mais variados xamãs , bruxos e afins!Uma pratica que ainda hoje se usa para roubar os menos esclarecios!ui dava pano para mangas...

akaibloog disse...

Estava a dizer que há muita crendice ainda mas nas astrologia claro.
Nuno

MIIG disse...

Não vai dizer nada sobre o Bambo porque são iguais, só que uns dão-se com pessoas mais in e outros não. Maia e afins, acreditar que essas pessoas têm capacidades ou conhecimentos especiais e dar lhes os meios para se rirem dos outros. Nada sabem fazer a não ser enganar o proximo, e constroem ricas vidas a custa da crendice dos outros. Não deviam estas pessoas com estes conhecimentos grandiosos e iluminados como são, adoptarem estilos de vida mais recatados, introspectivos ou assim? vão ver a declaração de impostos desse sr. as posses que tem e tirem as vossas conclusoes. Deixem se de cenas!

Anabela disse...

Acredito na astrologia mas neste caso estou de acordo com os astrónomos. E o meu astrólogo também!!! Foi ele quem me ensinou que os astros NÃO INFLUÊNCIAM NADA, os astros só mostram, são como um ecran gigante no céu... afinal os astrólogos e astrónomos podem chegar a um acordo...

Alexandre disse...

Os astrólogos estão com muita sorte! Sabem porquê? Este programa tem pouca audiência, por isso não vai afectar muito o negócio! Vão poder continuar a vender a "banha da cobra"...

Albert disse...

Foi a cereja no topo do bolo:
A carta astral do programa....

Realmente foi um programa esclarecedor, não se aprendeu nada e ainda por cima levamos com esta machadada final.
É uma pena que um programa que costuma ser interessante e eslarecedor resvale para a superficialidade assim que se fala de crendices e superstições e não tenha a preocupação de ir ao fundo da questão e quantificar as enormes quantidades de dinheiro envolvidas neste negócio da banha da cobra. Porque, não tenham dúvidas, só o vil metal justifica a quantidade de astrólogos, tarólogos, adivinhos e outros que tais que todos os dias nos entram em casa através da televisão e rádio e jornais e bilhetes nos pára-brisas...Se as "consultas" fossem à borla não havia por aí tanto Prof.Dr.Eng. especialista no assunto.

MIIG disse...

Um bom tema para o proximo programa seria "Mas porque que há tanta gente a dizer EMBIENTE?"

jose gomes disse...

“PORQUE É QUE A ASTROLOGIA NÃO É UMA CIÊNCIA.”
ASTROLOGIA, MAGNETISMO, RADIESTESIA, NUMEROLOGIA, MEDIUNIDADE E OUTRAS DISCIPLINAS DO CONHECIMNETO METAFÍSICO NÃO PODEM SER CONFUNDIDAS COM OS CHARLATÃES, BURLÕES OU NEGOCIANTES.
EU ESTUDO, INVESTIGO E UTILIZO PESSOALMENTE.
SERVEM PARA DEFINIR ALGO DOS PLANOS QUE A VIDA ESTABELECE PARA CADA PESSOA.
UM DIA, NUM FUTURO PRÓXIMO, TUDO SERÁ DIFERENTE.
TODOS ENTENDEREMOS QUE A VIDA TEM PLANOS DE VIDA PARA CADA PESSOA.
O EQUILÍBRIO DE CADA UM DEPENDE DE FAZER COINCIDIR OS PLANOS DE VIDA COM OS PLANOS QUE A VIDA TEM PARA CADA UM.
VIAJAMOS NO INFINITO. SOMOS UMA PEQUENA PEÇA DO RELÓGIO UNIVERSAL.
.jose gomes
equilibriosg@hotmail.com

Nuno Chrispim disse...

Astrologia Chinesa

De acordo com a Metafisica Chinesa tudo é energia e através do seu movimento cíclico ela assume 5 formas (elementos) distintas, cada um deles com as suas características específicas, facilmente identificáveis na observação da natureza.

O Homem (e toda a vida na terra) vive exposto à energia do céu e da terra e reage de acordo com ela.

Quando essa energia entra em desequilíbrio, agride-nos, fisiológica e emocionalmente causando graves problemas de saúde, profissionais, familiares, afectivos, sociais e financeiros.

A Astrologia Chinesa estuda os ciclos temporais da energia do sistema solar. Identifica o tipo específico de energia que vai estar num determinado momento (ano, mês, dia e hora) e como essa energia irá prejudicar ou beneficiar a performance determinado individuo no desempenho de uma determinada tarefa. O momento certo.

O Feng Shui estuda a energia magnética da terra. Identifica que tipo específico de energia está em determinado local e como ela influencia a saúde e bem-estar de determinado individuo de acordo com os seus objectivos de vida. O local ideal.

A Acupunctura reequilibra a energia no corpo humano e restabelece o bem-estar físico e emocional.

nuno.chrispim@gmail.com
Metafisica Chinesa

Carlos disse...

Violet, é melhor pegar nos livros do secundário e vem lá tudo, sobre as forças, energia. O resto é treta. O resto é romance.

Há muita pouca formação em Portugal. Há quem se tenha desligado da matemática e agora vêm dar as mesmas explicações que a minha avó dava.

FB disse...

Quem conhece a sua ignorância revela a mais profunda sapiência. Quem ignora a sua ignorância vive na mais profunda ilusão.