terça-feira, julho 14

Perigos escondidos nos ginásios?

Com a chegada do tempo quente corre-se para o ginásio procurando um corpo perfeito em poucas semanas. Mas sem a necessidade de um atestado médico, quantos põem em risco a sua saúde ao tomar esta atitude? E quantos são os ginásios que cumprem com todos os requisitos para proporcionarem aos consumidores e clientes um exercício físico de qualidade e respeitando as necessidades e limitações físicas individuais? Como garantir que os utentes não mentem ou omitem dados clínicos relevantes aquando da inscrição num ginásio? Quais os perigos do exercício físico sem acompanhamento de um especialista?

Convidados:
Luís Bettencourt Sardinha, Presidente Instituto do Desporto de Portugal
José Pedro Almeida, Docente da Faculdade de Motricidade Humana e Fisiologista do Exercício
José Carlos Reis, Director Geral Ginásio Clube Português
Ovídio Costa, Médico Cardiologista

19 comentários:

Raquel disse...

Boa tarde. Gostaria de saber como é que um consumidor pode saber se um ginásio dispõe das condições ditas indicadas para a prática de exercício físico.
Parabéns pelos excelentes programas.

AG disse...

O que antigamente era o trabalho diário de "sol a sol" é agora o trabalho de ginásio...

O que antes se comia para ser gasto fisicamente, agora exercitamos o nosso corpo para nos aliviarmos do que comemos...

---

( Sei que nem a todas as pessoas se aplica mas,...) é curioso pensar-se nisso.

Filipa disse...

Um ginásio,no meu ver , é uma coisa boa, quando é usada correctamente .. Ou seja, antes de mais, fazer exames, devido, a problemas de saude (de respiração ou mesmo do coração) e depois , deve-se fazer uma boa utilização das maquinas com ajuda de profissionais .. Os ginásios são também bons , porque o exercíco físico é um bem essencial, para o nosso corpo, e agora que é Verão , dão imenso jeito !

sonharamar disse...

gostava de saber quem faz a fiscalização dos ginásios em Portugal. é uma verdadeira vergonha o que se passa em alguns durante anos a fio sem ninguém fazer absolutamente nada. infelizmente é apenas o reflexo de muitas outras situações neste país onde a fiscalização é pouca ou nenhuma e onde a lei deixa de ser aplicada e respeitada porque não há ninguem que a obrigue a fazer cumprir.

ASS:
Pedro Silva

M. Martins Lobo disse...

Boa tarde,

E quanto à Gripe A? O que fazem actualmente os ginásios para evitar o contágio?

Parabéns pelo programa!

Solange Mariana disse...

Boa tarde,

No ginásio que frequento colabora um cardiopneumologista. Que competencias contém este profissional?

Excelente programa !
Beijinho

Solange Mariana

Renata disse...

Boa tarde, nos ginásios ditos "expresso", nomeadamente no Vivafit faz-se aquecimento no início do circuito e alongamento no final dos 30 minutos. Foi dito o contrário no programa...

Obrigada
Renata Malta Dias

Rui Neto disse...

Os preços dos ginásios ainda estão demasiado altos. Acho que deviam diminuir.

lc_lk-hot disse...

eu tenho 15 anos e ainda nunca foi preciso ir a um ginásio pois tenho comprado algum material e algumas maquinas de ginásio
assim os meus amigos tem ido ter comigo a um espaço (garagem) onde tenho todos os instrumentos
e tambem eles assim nao precisam de ir a um ginásio
digamos que é o meu ginásio pessoal
:)
BOM PROGRAMA
PRABENS

Ohtario disse...

Em primeiro lugar, queria dar os meus parabens, porque conseguiram juntar verdadeiros senhores ligados ao mundo desportivo.
A meu ver, toda e qualquer pessoa, deveria efectuar um check up antes de frequentar um ginásio (segundo li, já nem atestado médico é necessário), depois deve haver um bom acompanhamento de profissionais qualificados, e a profissionais qualificados refiro-me a individuos que para além de bons instrutores, professores sejam bons cidadãos e tenham uma formação de no minimo 3 anos e de referência. Assim, a dedicação de individuos a esta actividade a tempo inteiro só contribui para a sua melhoria.

madame M. disse...

Boa tarde,

Nunca coloquei os custos do ginásio no IRS. Como é que se procede, tenho de ter um atestado do médico como no caso da natação para as crianças?

madame M. disse...

Boa tarde,

Nunca coloquei os gastos do ginásio no IRS. Como é que se procede? Tenho de ter um atestado do meu médico, como faço com a natação dos miúdos?

Obrigada

Filipa disse...

Olá . Gostava de saber , quais os custos , para se puder frequentar um ginásio .

Obrigada

golfinho prateado disse...

Sou sócia-gerente de um pequeno ginásio, chamado ginásio de bairro. Cumprimos todas e mais algumas leis e regras e esforçamo-nos por inovar e oferecer o melhor aos nossos clientes. Gostaria de saber como está a aprovação, ou não, da nova legislação que mete no mesmo saco os grande e os pequenos, tornando-se quase impossível manter um ginásio de cento e poucos m2.
Por exemplo seremos abrigados a ter um gabinete médico e material de desfibrilhação, mas não a ter alguém creditado para os usar...
luísa pinheiro

blue_sky disse...

onde posso encontrar informacao sobre os varios ginasios disponiveis na cidade lisboa e gostava de saber os precos dos respectivos ginasios este talves sera um factor mais condicionante

Maura disse...

Boa tarde,

Penso que uma das questões que se colocam relativamente aos ginásios é o facto de a maioria das pessoas recorrer a estes serviços apenas em épocas sazonais, especialmente no verão, pelas razões que todos sabemos. Digo isto porque pratico exercício há alguns anos (desde os 15 e tenho 28), quer em ginásio ou em outras actividades (piscina, dança, caminhadas, etc.), e vejo que no verão o número de pessoas disparam! Não existe ainda, infelizmente, um pensamento generalizado de actividade física regular como forma de manter e promover a saúde e o bem-estar.

Parabéns pelos excelentes programas que sigo há muito, apesar de ser a primeira vez que comento :)

blue_sky disse...

onde posso encontrar informacao sobre os varios ginasios disponiveis na cidade lisboa e gostava de saber os precos dos respectivos ginasios este talves sera um factor mais condicionante

golfinho prateado disse...

entretanto vi a reportagem...
Sabem quanto custa um desfibrilhador???!
Sou socorrista da cruz vermelha, não temos nas nossas ambulâncias nenhum porque não o podemos usar.
Uma amiga enfermeira, que fez formação específica, não está autorizada a usar um desfibrilhador...
e temos que ter um num ginásio???

Marta disse...

Antes de mais gostaria de felicitar o programa.

Em parceria com os ginasios têm de estar presentes profissionais de saúde multidisciplinados assim como, dietistas/nutricionistas, cardiologistas, fisioterapeutas, entre outros para o bem-estar de todos os utentes.Pois o bem-estar é o mais importante!

É importante não esquecer que não devemos procurar o ginásio só porque estamos a chegar ao Verão e queremos estar em boa forma fisica.

Alimentação Saudável Vs Exercicio Fisico são bons aliados!

Marta Carneiro