quinta-feira, outubro 14

Eliminar a cegueira e deficiências visuais

No Dia Mundial da Visão – data em que a Associação dos Cegos e dos Amblíopes de Portugal comemora o 21º aniversário – arranca a contagem para a erradicação a cegueira por causas evitáveis, que tem 2020 como data limite.
Neste dia é também lançado o relatório “Visão Mundial: os 10 primeiros anos”, que faz o balanço dos esforços empreendidos até à data, em todo o mundo, para a eliminação da cegueira evitável e da deficiência visual.
Aproveitamos para analisar os esforços das autarquias em promover as acessibilidades para todos e avaliar o estado das várias patologias associadas à visão.

Convidados:
António Castanheira Dinis, Coordenador do Programa para a Saúde da Visão
António Travassos, Representante Fundação Champalimaud
Ana Sofia Antunes, Directora ACAPO
Luís Gardete Correia, Pres. APDP – Ass. Protectora dos Diabéticos de Portugal

6 comentários:

Ana Lopes disse...

Boa tarde. Gostava que, se fosse possível, falassem sobre o Nistagmo e se já existe algum tipo de cura para as pessoas que sofrem com essa "doença", e se é possível a intervenção cirúrgica à miopia e ao astigmatismo em quem tem nistagmo.
Obrigada
Ana Lopes

Flávio disse...

Tenho 21 anos e foi-me recentemente diagnosticado queratocone afectando um dos olhos.
Utilizo óculos mas mantenho dificuldades principalmente na visão ao longe.
Não sei se há algum tipo de tratamento que possa melhorar a minha situação...

Daniel Ferreira

041174m disse...

olá o meu nome é luis gonçalves e quero fazer uma observação e relatar o meu caso, quando tinha 15 anos tive um acidente em que levei um tiro com uma espingarda de pressão de ar e como consequencia fiquei cego do olho direito tendo o projectil alojado atras do globo ocular será que sou deficiente ou não tenho razão para exigir tratamento especial em relação ao mercado de trabalho. obrigado pela atenção.
gostaria de desenvolver mais o meu caso mas não tenho tempo, cumprimentos

Sociedade Civil disse...

Boa tarde,


Gostaria de saber se a cirurgia refractiva laser, vulgarmente designada de lasik é segura na correcção da miopia.

O cidadão pode confiar nos Institutos e nos médicos que realizam esta cirugia? Pode trazer complicações?

Todos ficamos muito apreensivos com os recentes problemas relatados na comunicação social (Santa Maria, Algave ).


Outra dúvida: os óculos de sol têm de ser caros para cumprir a sua funcionalidade?


Ana Maria

Sociedade Civil disse...

Boa tarde,


Como é possível que uma simples consulta de rotina ao oftalmologista custe 75 € ?

Como é possível que a cirurgia de correcção da miopia (lasik) custe 2. 500 € ?

Porque é que o seguro de saúde não cobre esta cirurgia?

Porque é que o serviço nacional de saúde não realiza esta cirurgia?


João

André disse...

Boa noite,

Reforço o comentário de Ana Lopes.
Gostaria de ver um programa dedicado ao Tema Nystagmus, que com ele sofrem tantos adultos e crianças em silêncio, neste Mundo.

Obrigado